Quanto custa o salário de um cuidador de idosos? Veja pela CLT e MEI

A função de cuidador de idosos está ligada a saúde, bem estar e proteção da pessoa idosa. Muitas famílias acabam contratando esse profissional para que haja um responsável integral pelo pai, mãe ou parente que está com mobilidade reduzida. É preciso ter curso com certificado para exercer essa profissão.

Quanto custa o salário de um cuidador de idoso? Veja pela CLT e MEI
Quanto custa o salário de um cuidador de idosos? Veja pela CLT e MEI (Imagem: FDR)

Vale a pena entender que o cuidador de idosos não realiza o mesmo trabalho de um enfermeiro, e também não pode ser considerado como babá. Como o próprio nome diz sua função é cuidar da pessoa com idade avançada que está com a mobilidade reduzida, e que não pode fazer tarefas diárias sem ajuda. 

Qual salário de um cuidador de idosos?

Quem pretende ingressar na área, ou quer contratar um cuidador de idosos precisa ter em mente que será preciso desembolsar um valor mensal. Tudo vai depender do tipo de contratação, e da carga horária que será combinada.

Este tipo de atividade não tem um salário mínimo estabelecido por lei, porque não foi regulamentada como profissão, mas sim como um função. Já existem projetos na Câmara dos Deputados para que os cuidadores possam ter mais garantias dentro do exercício do seu trabalho.

De acordo com a Catho, os valores pagos para um cuidador de idosos deve ser de:

  • Trabalhador autônomo (MEI): R$ 900 a R$ 1.800, em média;
  • Trabalhador contratado por uma empresa prestadora de serviço de cuidados com os idosos: R$ 2.300 a R$ 3.000.

Vale lembrar que se for contratado com carteira assinada, o trabalhador tem direito a todos os direitos garantidos por lei, como: 13º salário, FGTS, contribuição previdenciária e outros.

Como trabalhar de cuidador de idosos?

Quem tem interesse em trabalhar nesta área deve procurar por um curso de capacitação como cuidador de idosos. A formação vai abordar temas de grande importância para o profissional, tais como:

  • Aspectos psicológicos do envelhecimento;
  • Envelhecimento saudável;
  • Noções básicas de enfermagem;
  • Nutrição do idoso;
  • Prevenção e redução de riscos de acidentes;
  • Atividade física;
  • Violência contra o idoso.

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: [email protected]