Itaú renegocia dívidas com até 96% de desconto; saiba como participar

Um aplicativo lançado pelo Itaú possibilita a renegociação de dívidas com quase 100% de desconto. O programa “Conte com o Itaú” oferece possibilidade de parcelamento em até 73 vezes, a depender do tipo de dívida e do perfil do correntista. Entenda.

Itaú renegocia dívidas com até 96% de desconto; saiba como participar
Itaú renegocia dívidas com até 96% de desconto; saiba como participar. Imagem: FDR

O objetivo da instituição financeira é de oferecer suporte aos clientes diante das despesas de início de ano. Matrículas e materiais escolares, IPVA e IPTU são alguns dos exemplos.

A iniciativa segue a esteira do Desenrola, que foi prorrogado para março deste ano. De julho até dezembro passado, a campanha de renegociação de dívidas do governo federal renegociou mais de R$ 29 bilhões em débitos.

Passo a passo da renegociação pelo Desenrola Brasil

Os interessados devem se inscrever no gov.br. Sem esse cadastro, não será possível acessar o sistema para realizar a renegociação. Veja o passo a passo:

  • Acessar o portal www.gov.br
  • Selecionar “Entrar com gov.br”
  • Digitar o CPF e clicar em “Continuar” – nessa etapa é possível criar ou alterar a conta
  • Preencher formulário com dados pessoais.

Alcançar o nível Prata pode ser feito de três maneiras. Através da:

  • Validação facial pelo aplicativo GOV.BR para conferência da foto junto à Carteira de Habilitação (CNH)
  • Validação dos dados pessoais via internet banking de um banco credenciado. As instituições financeiras credenciadas são: Banco do Brasil, Banrisul, Bradesco, Banco de Brasília, Caixa Econômica, Sicoob, Santander, Itaú, Agibank, Sicredi e Mercantil do Brasil, ou
  • Validação dos dados com usuário e senha do Sistema de Gestão de Acesso (SIGEPE), caso seja um servidor público federal.

O nível Ouro é obtido por meio da:

  • Validação facial pelo aplicativo GOV.BR para conferência da sua foto nas bases da Justiça Eleitoral, ou;
  • Pela validação dos seus dados com Certificado Digital compatível com ICP-Brasil.

Quais dívidas poderão ser renegociadas?

  • A prioridade será dada a dívidas de até R$ 5 mil por devedor;
  • Poderão ser renegociados débitos bancários e não bancários (contas de água, luz, internet, etc), contraídos desde 1º de janeiro de 2019 até 31 de dezembro de 2022.
  • Dívidas entre R$ 5 mil a R$ 20 mil.

Vittoria Fialho
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já esteve como repórter no Diario de Pernambuco e no Portal NE45 Minutos. Nos veículos, fez parte das editorias de redes sociais e esportes. Também acumula experiência na assessoria de imprensa do Clube Náutico Capibaribe. Suas redes sociais são: @vtfialho e [email protected].