IPTU 2024: verifique valor, 2ª via de boleto, pagamento e quem não precisa pagar

Pontos-chave
  • Pagamento é obrigatório para donos de imóveis e terrenos.
  • Deixar de pagar pode fazer com que o imóvel seja leiloado.
  • Isenções e descontos são concedidos pelos municípios.

O Imposto Predial e Territorial Urbano é pago anualmente pelos donos de imóveis. O IPTU 2024 começa a ser pago em todo o país nesse mês de janeiro. O não pagamento pode levar o imóvel a leilão.

IPTU 2024: verifique valor, 2ª via de boleto, pagamento e quem não precisa pagar
IPTU 2024: verifique valor, 2ª via de boleto, pagamento e quem não precisa pagar (Imagem: FDR)

Novo Ano com impostos antigos, o IPTU 2024 já pode ser pago em diversas localidades do país. O pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano deve ser feito pelos donos de terrenos ou donos de imóveis em área rural.

O não pagamento pode levar a prefeitura a tomar medidas de cobrança, como enviar notificações aos donos. Após o recebimento dessa notificação, caso o pagamento não seja feito, o imóvel entra em dívida ativa municipal.

Em alguns casos ele pode até mesmo ser penhorado ou leiloado para o pagamento da dívida.

Para que serve o IPTU?

O Imposto Predial e Territorial Urbano é um tributo municipal, ou seja, cobrado por cada município brasileiro. Com isso, o valor arrecadado vai para a prefeitura em que o imóvel está localizado.

Os valores podem ser utilizados de diversas formas, segundo as necessidades de cada prefeitura. Por exemplo, podem ser usados para obras de infraestrutura, na área de educação, segurança pública ou saúde.

Valor do IPTU 2024

O valor do imposto é calculado considerando três variáveis: valor venal – valor de avaliação do imóvel; o preço do metro quadrado na região onde o imóvel se localiza; e a alíquota do imóvel.

Justamente por isso o imposto é reajustado anualmente, afinal, o imóvel pode ser valorizado de um ano para outro por causa do aumento do metro quadrado em que está localizado.

Por tanto, para saber o valor é necessário consultar o setor responsável na sua cidade.

IPTU de terreno e área rural

O Imposto também é cobrado sobre os terrenos, nesse caso o proprietário para o ITU – o Imposto Territorial Urbano, em geral ele tem uma alíquota maior.

Já para imóveis na zona rural é cobrado o ITR (Imposto Territorial Rural), que também tem alíquota e base de cálculo diferente do IPTU.

IPTU 2024: verifique valor, 2ª via de boleto, pagamento e quem não precisa pagar (Imagem: FDR)
IPTU 2024: verifique valor, 2ª via de boleto, pagamento e quem não precisa pagar (Imagem: FDR)

Isenção do IPTU 2024

A isenção para os idosos é concedida caso atendam aos seguintes requisitos:

Vale lembrar que essas regras podem variar entre os estados, no Distrito Federal, por exemplo, o valor venal tem o limite de R$ 256.922,19. Para saber mais sobre essa isenção, clique aqui.

Também é concedida a isenção aos cidadãos que recebem renda mensal vitalícia, benefício pago pelo INSS, mas, que está em extinção. Templos de qualquer religião também estão isentos do pagamento.

Além da isenção as prefeituras também concedem descontos sobre o valor do IPTU que variam de 5% a 20%. As regras para ter acesso a esses descontos variam de acordo com as diretrizes de cada prefeitura.

O pagamento antecipado é uma das situações em que o desconto é aplicado.

Segunda Via

Geralmente o IPTU é pago no começo de cada ano, segundo o calendário municipal. Algumas prefeituras adotam o envio do boleto de pagamento direto nas residências em outras é necessário emitir no órgão responsável.

A segunda via do boleto de pagamento deve ser solicitada através da Secretaria da Fazenda de cada município. O cidadão pode ter acesso ao boleto através da internet ou precisar comparecer presencialmente na unidade.

Para saber mais, procure o órgão responsável no seu município.

Calendário de pagamento do IPTU SP 2024

 

Vencimento da primeira parcela ou à vista Postagem no correio Limite para recebimento pelo contribuinte Período para emitir 2ª via pela internet ou efetuar a comunicação nas subprefeituras
01/02/2024 18/01/2024 24/01/2024 26/01/2024 31/01/2024
02/02/2024 18/01/2024 24/01/2024 26/01/2024 01/02/2024
03/02/2024 19/01/2024 26/01/2024 29/01/2024 02/02/2024
04/02/2024 19/01/2024 26/01/2024 29/01/2024 02/02/2024
05/02/2024 19/01/2024 26/01/2024 29/01/2024 02/02/2024
06/02/2024 24/01/2024 30/01/2024 31/01/2024 05/02/2024
07/02/2024 24/01/2024 30/01/2024 31/01/2024 06/02/2024
08/02/2024 24/01/2024 31/01/2024 01/02/2024 07/02/2024
09/02/2024 24/01/2024 01/02/2024 02/02/2024 08/02/2024
10/02/2024 26/01/2024 02/02/2024 05/02/2024 09/02/2024
11/02/2024 26/01/2024 02/02/2024 05/02/2024 09/02/2024
12/02/2024 26/01/2024 02/02/2024 05/02/2024 09/02/2024
13/02/2024 26/01/2024 02/02/2024 05/02/2024 09/02/2024
14/02/2024 26/01/2024 02/02/2024 05/02/2024 09/02/2024
15/02/2024 01/02/2024 07/02/2024 08/02/2024 14/02/2024
16/02/2024 01/02/2024 08/02/2024 09/02/2024 15/02/2024
17/02/2024 02/02/2024 09/02/2024 14/02/2024 16/02/2024
18/02/2024 02/02/2024 09/02/2024 14/02/2024 16/02/2024
19/02/2024 02/02/2024 09/02/2024 14/02/2024 16/02/2024
20/02/2024 02/02/2024 09/02/2024 14/02/2024 19/02/2024
21/02/2024 02/02/2024 09/02/2024 14/02/2024 20/02/2024
22/02/2024 08/02/2024 16/02/2024 19/02/2024 21/02/2024
23/02/2024 08/02/2024 16/02/2024 19/02/2024 22/02/2024
24/02/2024 09/02/2024 19/02/2024 20/02/2024 23/02/2024
25/02/2024 09/02/2024 19/02/2024 20/02/2024 23/02/2024
26/02/2024 09/02/2024 19/02/2024 20/02/2024 23/02/2024
27/02/2024 14/02/2024 19/02/2024 20/02/2024 26/02/2024
28/02/2024 15/02/2024 20/02/2024 21/02/2024 27/02/2024
29/02/2024(*) 15/02/2024 21/02/2024 22/02/2024 28/02/2024

 

Jamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.
Sair da versão mobile