Lula anuncia o Bolsa Ensino Médio fornecendo assistência aos estudantes

O presidente Lula (PT) anunciou oficialmente a Bolsa Ensino Médio para os alunos de todos o país. A novidade promete fornecer uma ajuda financeira para os brasileiros que precisam de suporte para realizar, de forma plena, as suas atividades escolares e garantir a educação dos jovens.

Haddad faz anúncio e tradicional modalidade de investimentos pode ficar isenta de IR
Lula anuncia o Bolsa Ensino Médio fornecendo assistência aos estudantes (Imagem: FDR)

O presidente Lula (PT) oficializou a criação do Bolsa Ensino Médio. A novidade garante uma parcela de R$ 200 por dez meses para o aluno que manter a presença escolar ativa. Além disto, uma poupança de R$ 1 mil por ano até o fim do ensino médio. Ou seja, ao final do curso, serão R$ 3 mil armazenados.

Esta novidade foi criada visando a redução da evasão escolar em todo país. Foi detectado que muitos jovens tendem à iniciar o ensino fundamental e médio, mas acabam não concluindo. Portanto, este valor será dado como forma de incentivar o aluno que concordar em ir para a escola e se comprometer com as notas.

Mais mudanças aprovadas pelo presidente Lula (PT)

Além da nova Bolsa Ensino Médio, o presidente Lula (PT) também vem abordando sobre as mudanças realizadas ao salário mínimo. Agora, com a aprovação do novo regime financeiro e orçamentário para 2024, o salário mínimo estará entre R$ 1.412 e R$ 1.413, o que é abaixo do esperado anteriormente, em R$ 1.421.

Portanto, os cidadãos brasileiros devem esperar um aumento no piso salarial em vigência, mas não será o que havia sido especulado anteriormente. Então, outros programas do governo federal também devem sofrer aumentos, tendo em vista que utilizam o salário mínimo como base de pagamentos.

Quais serão os programas que devem ser alterados após o aumento do salário mínimo?

  • Benefício de Prestação Continuada (BPC); 
  • Auxílio Acidente;
  • Benefício por Incapacidade Temporária;
  • Salário Maternidade;
  • Piso da Aposentadoria;
  • Programa de Integração Social (PIS);
  • Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP).

Flávio Costa
Estudante de jornalismo, já atuou na área de assessoria política ao compor o time de comunicação da atual governadora do estado, durante sua campanha eleitoral. Anteriormente, cursou 2 anos no curso de relações internacionais, podendo ampliar sua visão no aspecto macro e micro do cenário nacional e internacional. Fluente em inglês, já atuou como professor de idiomas e também de matemática. Por fim, trabalhou ainda como analista de operações pelo grupo Amazon. Atualmente, dedica-se a universidade e ao portal FDR. Suas redes sociais são @flavioarcosta e [email protected].