Carteira de motorista GRATUITA? Lista divulga quem ainda tem direito em 2023

Estados oferecem carteira de motorista gratuita a quem não tem condições de pagar pelo documento. Iniciativa cobre todos os custos do documento, incluindo as aulas teóricas. Veja como ter acesso a CNH gratuitamente.

Carteira de motorista GRATUITA? Lista divulga quem ainda tem direito em 2023
Carteira de motorista GRATUITA? Lista divulga quem ainda tem direito em 2023 (Imagem: FDR)

O desenho de ser habilitado e sair dirigindo ou pilotando esbarra no alto valor do documento de habilitação. Para ajudar quem não tem condições de pagar, alguns estados oferecem a carteira de motorista gratuita. O programa é estadual, por isso é importante conferir se o seu estado oferece essa gratuidade.

Carteira de motorista gratuita

Mesmo que o programa seja estadual, alguns requisitos são “gerais”:

  • Ter mais de 18 anos, idade mínima para tirar o documento
  • Ser alfabetizado, afinal durante o processo será necessário fazer provas teóricas.
  • Ter renda familiar de até meio salário mínimo por pessoa ou até três salários mínimos.
  • Estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).
  • Não ter um emprego formal, ou seja, não trabalhar com carteira assinada, nem ser empreendedor formalizado.
  • Ter comprovante de residência no estado ou no município em que você está solicitando o documento gratuitamente.

Lembrando que a iniciativa é voltada as pessoas de baixa renda, por isso a inscrição no CadÚnico deve estar atualizada.

Estados que oferece a CNH gratuita

  • Acre;
  • Alagoas;
  • Amazonas;
  • Distrito Federal;
  • Espírito Santo;
  • Goiás;
  • Mato Grosso do Sul;
  • Pará;
  • Paraíba;
  • Pernambuco;
  • Rio Grande do Norte;
  • Roraima;
  • Sergipe.

Como tirar a CNH gratuitamente?

Se o seu estado está na lista acima, é necessário buscar informação junto ao Departamento de Trânsito local (Detran). O documento é emitido por ele, assim, as informações serão mais precisas.

Inclusive, alguns municípios também oferecem esse serviço, mesmo que seu estado no geral não ofereça.

Lembrando que todo o processo é gratuito, nenhum funcionário está autorizado a fazer cobranças para a emissão do documento.

Jamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.