Jornada de trabalho com 4 dias já geram resultados extraordinários no país

Uma jornada de trabalho com quatro dias seria um sonho. Porém, é possível que este sonho torne-se realidade com a novidade que está vindo por aí. Veja agora o que está sendo pensando para ser posto em prática no Brasil e os resultados que esta mudança pode trazer aos trabalhadores.

123 Milhas toma decisão que deixa muita gente REVOLTADA
Jornada de trabalho com 4 dias já geram resultados extraordinários no país (Imagem: FDR)

No mundo todo, pesquisadores estão realizando novas descobertas sobre a jornada de trabalho realizada em quatro dias. No Brasil, o projeto já vem apresentando resultados positivos. A iniciativa não vem sendo popular entre a grande gama de empresas no país, o que deixou os funcionários decepcionados.

A Reconnect Happiness at Work é uma empresa que foca na nova agenda pensada nos trabalhadores. Quando ela iniciou o seu serviço no país, 400 empresas se inscreveram no programa dentro de 48 horas. Esta inscrição permite que os seus funcionários fizessem parte de uma pesquisa de satisfação.

Isto porque além de ser benéfico para os trabalhadores, é fundamental que seja benéfico, também, para os próprios negócios e os seus gestores. O treinamento e resultados desta pesquisa virão após seis meses de levantamentos que começam a partir deste mês de setembro com as empresas cadastradas.

Em um âmbito internacional, já existem milhares de empresas que estão se adaptando ao novo modelo de trabalho. Após a adaptação, mais da metade dos cidadãos que já participam deste modelo dizem sentir-se mais produtivos e 78% dizem que são menos estressados e que vivem de uma forma mais feliz.

Quais países já estão participando da nova jornada de trabalho?

Países como Inglaterra, Emirados Árabes, Portugal, Bélgica, Suécia e Espanha já aderiram à nova forma de organizar a agenda profissional. Em pesquisa realizada com os funcionários que realizaram o teste destes países já mostram que 54% das pessoas afirmam achar mais difícil largar o emprego em questão.

Segundo a mesma pesquisa, estas pessoas estão aproveitando o dia que recebem de folga para cuidarem de si mesmas. Fazer exames de rotina, visitar parentes, realizar exercícios físicos, entre outras respostas. Após o período de testes nestes países, 100% das pessoas aceitaram seguir no regime.

Flávio Costa
Estudante de jornalismo, já atuou na área de assessoria política ao compor o time de comunicação da atual governadora do estado, durante sua campanha eleitoral. Anteriormente, cursou 2 anos no curso de relações internacionais, podendo ampliar sua visão no aspecto macro e micro do cenário nacional e internacional. Fluente em inglês, já atuou como professor de idiomas e também de matemática. Por fim, trabalhou ainda como analista de operações pelo grupo Amazon. Atualmente, dedica-se a universidade e ao portal FDR. Suas redes sociais são @flavioarcosta e [email protected].