Reajuste do MEI será diferente do que o esperado. Entenda o motivo e confira o valor

A contribuição mensal do MEI é dá aos microempreendedores o direito aos benefícios do INSS. O pagamento deve ser feito mensalmente através da Das gerada pela internet. Veja como será o reajuste desse valor nesse ano.

Reajuste do MEI será diferente do que o esperado. Entenda o motivo e confira o valor
Reajuste do MEI será diferente do que o esperado. Entenda o motivo e confira o valor (Imagem: FDR)

O microempreendedor individual (MEI) é aquele profissional que deseja formalizar o seu negócio pagando as menores taxas possíveis, devido ao seu rendimento mensal. Através dessa formalização o profissional tem a oportunidade de se beneficiar pelo INSS, caso necessite, por exemplo.

Qual o valor do MEI em 2023?

O pagamento mensal equivale a 5% do salário mínimo vigente no pais.

Inicialmente o reajuste que aprovado pelo Congresso Nacional para o Orçamento de 2023 estabelecia o valor de R$ 1.320, com isso o recolhimento do MEI seria de R$ 66,60.

No entanto, após análise, Lula, que já havia defendido um reajuste acima do proposto por Bolsonaro, decidiu estabelecer um salário mínimo menor, ficando o valor fixado em R$ 1.303, com isso, o valor da contribuição do microempreendedor individual caiu para R$ 65,10.

Esse novo valor passa a ser válido apenas para as cotas que possuem vencimento em 20 de fevereiro. Aquelas com vencimento em 20 de janeiro permanecem com o valor de R$ 66,60.

Além disso, a contribuição da nova categoria, o MEI Caminhoneiro, que seria de R$ 158,40 passa a ser de R$ 156,24 também a partir de 20 de fevereiro.

O que é um MEI?

O Microempreendedor Individual (MEI) é um empreendedor que tem um pequeno negócio e cuida de sua empresa sozinho, por lei ele pode ter até um funcionário.  Para se manter nessa categoria ele precisa ter um rendimento anual de até R$ 81 mil.

Essa modalidade foi adotada pelo Governo Federal para amparar os profissionais que vinham atuando na informalidade.

Com isso, uma série de profissionais puderam se formalizar e ter acesso a inúmeros benefícios, como aposentadoria, licença-maternidade, etc; além de financiamentos.

Para saber mais sobre vagas de emprego, vestibulares e cursos, acompanhe a nossa editoria de Carreiras.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Jamille NovaesJamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.