PREÇO DO LEITE sofre NOVO REAJUSTE ficando ainda MAIS CARO em AGOSTO

Consumidor brasileiro deve seguir vendo alta nos preços de produtos. Para agosto, o preço do leite sofre novo reajuste ficando ainda mais caro. O aumento acumulado dos últimos 30 dias do leite longa vida já marca 19,4%, de acordo com o Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas).

publicidade

O reajuste está sendo incorporado gradualmente pelas indústrias, devendo ser percebido no varejo no próximo mês. De acordo com pesquisas do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada) os produtores devem chegar a repassar o litro do leite por R$ 3,10 ainda em julho.  

Leite fica mais caro em agosto, entenda o motivo

A alta do preço do leite cobrado pelos produtores foi de 15% em julho com relação ao mês passado. Isso acontece devido a oferta. Uma vez que o leite é um produto de ciclo longo e o setor vivencia hoje as consequências de outro período.

Diante do encarecimento dos custos de produção, diversos produtores pararam de investir ou encerraram atividades, o que resultou na grande redução de oferta. Outra razão para os altos preços é o período de entressafra, momento no qual as condições das pastagens estão difíceis.

publicidade

 A menor quantidade de produtos resulta no encarecimento para que produtores obtenham lucro e melhores condições. Os preços mais altos esbarram no menor poder de compra que o consumidor tem apresentado.

Novo reajuste no preço do leite faz produto ficar mais caro

A pesquisa da Cepea aponta que na segunda quinzena de julho, as negociações do leite spot e dos derivados sofreram com a diminuição do consumo. A situação se mostra como um reflexo da alta nos preços nas gôndolas. A expectativa do mercado é de que com o pagamento dos programas de transferência de renda em agosto, o consumo seja fortalecido.

Parte da cesta básica, grupo de itens considerados como essencial para a subsistência do indivíduo, o leite não deve deixar de ser consumido mesmo com queda no volume de compras. 

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

A redução do consumo do produto deve depender de como a alta dos preços do leite e derivados chegará em agosto nas prateleiras. O consumidor aguarda para entender como o reajuste deve impactar no seu bolso para realizar a manobra da distribuição de renda para as principais compras e contas do mês.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Hannah Aragão
Hannah Aragão é graduanda em jornalismo pela Universidade Federal de Pernambuco, a UFPE. Atuou em diversas áreas da comunicação, passando por assessoria, endo marketing, comunicação estratégica e jornalismo impresso. Atualmente, se dedica ao jornalismo online na produção de matérias para o portal FDR.