LULA promete valor permanente para o AUXÍLIO BRASIL caso seja eleito

Com a aproximação das eleições, os candidatos à presidência realizam movimentações referentes às suas campanhas. Em entrevista publicada nesta terça-feira (12), pelo jornal Correio Braziliense, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), prometeu valor permanente para o Auxílio Brasil caso seja eleito.

publicidade

O ex-presidente afirmou que se retornar à presidência, um dos seus objetivos é garantir a permanência do Auxílio Brasil de R$ 600. O benefício que atende as famílias de baixa renda do país, atualmente possui parcelas de R$ 400, que deve receber o adicional de R$ 200 mediante a PEC dos Combustíveis. No entanto, a proposta do Governo Bolsonaro veio por meio de emenda garantir o novo valor diante do decreto de estado de emergência, que se encerra em dezembro.

Lula promete Auxílio Brasil de R$ 600 permanente

O petista falou durante a entrevista que o interesse do partido era de que as parcelas de R$ 600 do benefício já estivessem neste valor e aproveitou para criticar a atitude do principal oponente de apenas modificar os valores em ano eleitoral e temporariamente.

“Eu quero manter. O PT queria que o auxílio fosse de 600 reais já em 2020. Bolsonaro fez uma coisa engraçada: criou uma série de benefícios em período eleitoral que duram até dezembro. Depois disso, vale a palavra do Bolsonaro, que não vale nada, como o mundo sabe, porque todo mundo sabe que ele é um mentiroso”, afirmou Lula.

https://www.youtube.com/watch?v=2ISFgAL6Ics

publicidade

O candidato do PT também garantiu o apoio do Partido dos Trabalhadores à PEC dos Combustíveis. A proposta de emenda do Governo Federal tenta reduzir o impacto da inflação nas camadas mais pobres e mais afetadas, com o pagamento de benefícios sociais.

“Se essa verba chegar para o povo, o povo tem mais que pegar o dinheiro e depois votar com sua consciência”, completou o petista.

Ainda durante a entrevista, Lula reforçou o compromisso com o novo valor do Auxílio Brasil, o candidato falou sobre a prioridade de tirar o país do Mapa da Fome da ONU. 

Lula na luta contra o antipetismo

O candidato do PT falou sobre os ataques bolsonaristas, além da grande polarização percebida no cenário político do Brasil:

“Bolsonaro faz um discurso violento, cheio de bravata, bem típico de um covarde, que tenta estimular a violência no país”.

Um dos principais desafios de Lula nestas eleições, vem sendo a batalha contra o antipetismo. O candidato tenta reverter a situação, criando pontes que se apoiam no resgate da economia brasileira. Nesta terça-feira (12), o petista foi a Brasília para participar do ato público na capital e cumprir agenda de reunião com economistas.

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Hannah Aragão
Hannah Aragão é graduanda em jornalismo pela Universidade Federal de Pernambuco, a UFPE. Atuou em diversas áreas da comunicação, passando por assessoria, endo marketing, comunicação estratégica e jornalismo impresso. Atualmente, se dedica ao jornalismo online na produção de matérias para o portal FDR.