Lula e Bolsonaro surpreendem ao negar importante compromisso nas eleições 2022

Motivo de polêmica desde as eleições de 2018, a presença do presidente Jair Bolsonaro (PL) nos debates é incerta. A grande surpresa da vez é que o candidato, e grande concorrente de Jair, Luís Inácio Lula da Silva (PT) também não deve comparecer a esse compromisso.

Lula e Bolsonaro surpreendem ao negar importante compromisso nas eleições 2022
Lula e Bolsonaro surpreendem ao negar importante compromisso nas eleições 2022 (Imagem: FDR)

A informação é da CNN Brasil, que apurou a possibilidade de Lula não participar dos debates em um primeiro momento. Bolsonaro já havia comentado que também não tem interesse de ir a esses encontros porque, segundo ele, será alvo de “pancada” dos outros candidatos.

Após evento realizado em Foz do Iguaçu no dia 3 de junho, Bolsonaro respondeu aos questionamentos sobre assunto. Inicialmente o presidente disse que avaliaria a possibilidade de comparecer aos debates no primeiro turno.

E finalizou dizendo que “se Lula for eu vou junto com ele“. Mais tarde, em entrevista ao portal AgroMais desta segunda-feira (6), o presidente recuou sobre seu pronunciamento. E afirmou que deixará em aberto o seu comparecimento.

No início de 2022, em entrevista a uma emissora de rádio no Pará, Lula havia sugerido que o modelo de debates eleitores fosse reformulado. E que ao invés de marcar diferentes embates em cada canal de TV, todas as emissoras se reunissem em um mesmo dia e transmitissem o evento para todo Brasil.

O candidato chegou a defender que fossem realizados de dois a três debates. Apenas para o primeiro turno já foram mencionados cerca de nove debates em diferentes veículos de comunicação.

Caso não participe do evento do primeiro turno, Bolsonaro não fugiria do que é costume no país. Na época em que faziam suas campanhas de reeleição, Lula e Fernando Henrique Cardoso (PSDB) também não compareceram ao evento.

A grande polêmica do ano de 2018 foi quando o atual presidente recusou a participação nos debates contra Fernando Haddad (PT) no segundo turno.

Na época, ele chegou a alegar que não comparecia devido a bolsa de colostomia que estava usando por conta da facada que levou no mês anterior. Acontece que o próprio médico do presidente afirmou publicamente que sua participação dependia apenas dele mesmo, e que Bolsonaro estaria livre para decidir.

Dessa vez, o candidato a reeleição garante que estará presente nos debates do segundo turno. 

Corrida nas eleições 2022

Lula (PT) e Bolsonaro (PL) são os dois principais nomes para ocupar a cadeira de presidente da República entre os anos de 2023 e 2026. De acordo com a pesquisa eleitoral realizada pelo Datafolha, o candidato petista ocupa a primeira posição na intenção de votos.

São pelo menos 48% de interessados em eleger Lula, enquanto 27% querem que Jair continue sendo presidente do país. Logo, existe uma grande possibilidade de que estes dois nomes disputem o segundo turno nas eleições.

Até que se decida sobre a presença dos políticos na corrida eleitoral do primeiro turno, os eleitores devem acompanhar as propostas dos mesmos por outros meios. Principalmente, pelas redes sociais dos candidatos.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: [email protected]