Novo golpe! Trabalhadores têm o FGTS extraordinário roubado, saiba como se proteger

Tem subido o número de pessoas que ao consultar seu saldo no Caixa Tem percebem que o valor de até R$ 1 mil do saque extraordinário do FGTS sumiu. Ou seja, estes trabalhadores são roubados e têm a quantia que lhe era direito transferida para outra conta que não conhece. Afinal, existe uma forma de se proteger do golpe?.

publicidade
Novo golpe! Trabalhadores têm o FGTS extraordinário roubado, saiba como se proteger
Novo golpe! Trabalhadores têm o FGTS extraordinário roubado, saiba como se proteger (Imagem: FDR)

Desde que o saque do FGTS extraordinário foi liberado, no valor de R$ 1 mil, parte dos trabalhadores têm sofrido golpes graves. Criminosos têm acessado o valor do fundo de garantia no aplicativo da Caixa antes do cidadão.

Os dados das vítimas têm sido facilmente encontrado pelos golpistas na internet. Uma das técnicas utilizadas, segundo especialista em segurança cibernética, Emílio Simoni que concedeu entrevista ao O Globo, é a phishing.

publicidade

Este é o nome dado ao tipo de isca que induz o cidadão a clicar em links na internet. Logo, têm seus sistemas invadidos e seus dados compartilhados.

Os links maliciosos podem chegar por mensagem de SMS, estar em falsos sites de grandes empresas, falsas promoções e etc. Ao acessar a página, o internauta acaba preenchendo informações pessoais e enviando para uma base de dados de criminosos.

Outra forma de acesso as informações pessoais das vítimas é por meio do vazamento de dados de grandes plataformas. Quem tiver ciência de que seus dados foram vazados, deve estar mais atento porque fica mais propenso a cair em golpes.

Como se proteger de golpes no FGTS extraordinário

A primeira recomendação é evitar preencher cadastros em sites duvidosos, principalmente aqueles que prometem promoções. Além de não clicar em links que chegam por SMS.

E ainda, baixar o aplicativo do Caixa Tem que possuí o certificado de oficial na loja de aplicativos. Atualizar seu endereço de e-mail no login e conferir sua caixa de entrada de mensagens.

Os criminosos acessam o aplicativo usando RG e CPF do cidadão, mas com endereço de e-mail de uma outra pessoa. Pedindo, por exemplo, pela troca de senha. Por isso é preciso ficar atento aos seus meios de contato com a Caixa.

publicidade

Meu FGTS foi roubado, e agora!?

Tendo ciência de que o valor do seu fundo de garantia sumiu do aplicativo, o cidadão deve entrar em contato com a Caixa informando do roubo. A informação pode ser repassada diretamente uma agência, ou no telefone  0800 512 667.

Para provar que o dinheiro foi roubado é preciso tirar prints, ou seja, fazer captura de tela pelo celular do extrato da conta do FGTS. Mostrando que o valor foi transferido para outra conta. Além de mostrar que foi alterado o e-mail e demais informações pessoais.

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Lila Cunha
Lila Cunha é formada em jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Atua como repórter especial para o portal FDR. É responsável por selecionar as informações abordadas e garantir o padrão de qualidade das notícias veiculadas. Além disso, trabalha com apuração de hard news desde 2019, cobrindo o universo econômico em escala nacional.