Como conseguir um emprego na área de tecnologia? Salários podem superar R$ 40 mil

A área de tecnologia é considerada uma das mais dinâmicas em todo o mundo e vem pagando salários cada vez maiores. A necessidade de novos profissionais é tão grande, que as empresas do setor estão aceitando mesmo quem ainda não tem experiência de mercado.

Isso tem provocado um aumento na procura por cursos técnicos, profissionalizantes e graduações em TI, por gente que deseja aproveitar o boom do setor. Conseguir um emprego em tecnologia, no entanto, pode não ser tão simples, e demanda um certo planejamento dos iniciantes, que devem estar atentos às novidades do mercado e aos requisitos feitos pelas empresas.

Pensando nisso, reunimos a seguir algumas dicas para começar bem a sua carreira no universo digital, com as áreas específicas que estão mais aquecidas, os cursos mais indicados, como chegar até as vagas e, claro, como ser admitido.

Emprego em TI: por onde começar?

Primeiramente, é preciso entender que campo dentro do universo tecnológico será seguido, já que as opções são muitas. Atualmente, aqueles que mais se destacam, tanto em termos de oferta de vagas, quanto em termos de salários, são:

  1. Ciência de dados: Seja como cientista, analista ou engenheiro de dados, nesse campo o profissional terá que lidar com dados que serão usados por máquinas (machine learning) ou programas estatísticos, com vistas a melhorar o desempenho de empresas e órgãos públicos, especialmente.
  2. Desenvolvimento de software: Como o próprio nome diz, nesse campo os iniciantes deverão desenvolver softwares, que vão desde banco de dados a páginas visitadas pelos usuários. Um nicho específico que vem crescendo bastante é o desenvolvimento de softwares mobile, os apps para smartphones, principalmente.
  3. Infraestrutura de TI: Os profissionais desse campo são responsáveis pela manutenção de equipamentos e sistemas usados por empresas e órgãos públicos.
  4. Segurança de informação: aqui é onde se cuida da segurança de sites, apps e outros sistemas, através de ferramentas como criptografia, firewall, e antivírus.
  5. Inteligência Artificial: Outra área com bastante crescimento, a IA promete mudar radicalmente a forma como lidamos com as máquinas no dia a dia, sendo também capaz de potencializar o desempenho das empresas.
Além dos salários altos, área de tecnologia permite trabalhar em home office. Imagem: Christina Morillo/Pexels.

Quais cursos são recomendados?

Ao contrário do que muitos pensam, ter uma graduação já não é obrigatório para conseguir um bom emprego, e isso se aplica especialmente na área de tecnologia. As empresas vêm contratando jovens que possuem apenas cursos técnicos e profissionalizantes, desde que comprovem o conhecimento necessário para as vagas.

Ainda assim, algumas graduações, como Ciência da Computação, Análise de Sistemas e outras mais específicas, como as voltadas para Ciência de Dados, ainda são exigidas ou, pelo menos, muito valorizadas pelo mercado.

Quanto aos cursos profissionalizantes, são recomendados aqueles que ensinam as principais ferramentas que o profissional usará no dia a dia: linguagens de programação (Java, Python, C++ e outras), bancos de dados, lógica de programação, análise de dados, protocolos de segurança, entre outras.

Os iniciantes também devem procurar aprimorar o conhecimento de outras línguas, especialmente inglês. Esse conhecimento, além de muito útil na rotina do profissional de TI, também abre as portas para empresas do exterior, que contratam cada vez mais brasileiros, com salários maiores que os pagos aqui.

Onde procurar as vagas?

Atualmente, profissionais de TI podem trabalhar numa variedade muito grande de empresas. Na hora de buscar uma vaga, portanto, não se restrinja apenas às empresas de tecnologia.

Além de procurar em sites de recrutamento e nos sites das próprias marcas, é recomendado procurar anúncios em redes sociais, especialmente no Linkedin. A dica, nesse caso, é caprichar no seu perfil na rede social.

Como citamos acima, também é possível conseguir um emprego em empresas fora do Brasil, inclusive em home office. Portanto, inclua também nas suas buscas o nome das vagas em inglês.

Monte seu portfólio

Os iniciantes de qualquer área têm dificuldade em demonstrar que são capacitados para vagas de emprego devido à falta de experiência. Quem é da área de TI pode contornar isso montando um portfólio com projetos já desenvolvidos, que demonstre o domínio das habilidades mais requisitadas.

Entre as plataformas para montar o seu portfólio, destacam-se aquelas voltadas especialmente para programadores e analistas de dados, como Github, Sourceforge, Developers e Kaggle, e plataformas que apresentam o seu portfólio de forma visualmente agradável, como Behance, Carbonmade e Medium.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Amaury Nogueira
Amaury da Silva Nogueira é bacharelando em Letras/Edição pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Apaixonado pelo universo da escrita, atua há dois anos como redator e realiza pesquisas sobre história da edição no Brasil. Além disso, atualmente pesquisa também sobre direitos e benefícios sociais para agregar conhecimento na redação do portal de notícias FDR.