Jovem Aprendiz: nova MP pode eliminar 432 mil vagas; entenda

Mudanças propostas no Jovem Aprendiz não estão sendo bem recebidas por boa parte da população. Os próprios auditores responsáveis pela fiscalização dele apontam que ele deve prejudicar os aprendizes.

Jovem Aprendiz: nova MP pode eliminar 432 mil vagas; entenda
Jovem Aprendiz: nova MP pode eliminar 432 mil vagas; entenda (Imagem: FDR)

O Programa Jovem Aprendiz é alvo de mudanças por parte do Governo Federal e elas não estão agradando muito.

Tanto que todos os auditores fiscais do trabalho questionam o Projeto Nacional de Incentivo à Contratação de Aprendizes, apresentado pelo governo federal na semana passada.

O nome do projeto pode até induzir a gente a acreditar que ele vai possibilitar mais contratações.

No entanto, na prática não é bem isso que deve acontecer, um estudo que conta com a assinatura de 27 auditores-fiscais do trabalho, do Ministério do Trabalho e Previdência, aponta que a MP congela imediatamente 432 mil vagas de trabalho para jovens e pessoas com deficiência.

Congelamento de vagas no Jovem Aprendiz

Para os auditores, essa MP beneficia de fato os empresários; segundo eles as perdas dos postos de trabalho para os aprendizes acontecerá da seguinte forma:

  • 160 mil vagas em razão do aumento de 2 para 3 anos no prazo do contrato;
  • 150 mil vagas por causa do cômputo em dobro de aprendizes em situação de vulnerabilidade social, que consiste em um aprendiz contabilizando e ocupando duas vagas;
  • 70 mil vagas devido a contagem fictícia de ex-aprendizes para cota de aprendizagem;
  • 52 mil vagas por conta do cálculo da cota por média aritmética, que observaria a média da quantidade de trabalhadores existentes em cada estabelecimento ao longo de um período, o que os auditores dizem que geraria insegurança jurídica, porque a cota poderia mudar de um dia para outro.

Ações já estão sendo tomadas para barrar que essas mudanças sejam de fato implementadas.

Afinal, o ponto central do programa é possibilitar aprendizagem e não diminuir as vagas de emprego.

Para saber mais sobre vagas de emprego, vestibulares e cursos, acompanhe a editoria de Carreiras do FDR.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jamille Novaes
Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha como professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR. Jamille utiliza sua experiência na área da educação para cobrir notícias sobre cursos, vestibulares, empregos e concursos.