Novo aplicativo quer facilitar a vida dos brasileiros quando o assunto são pagamentos; saiba mais

Se uma coisa é certa é que a vida trará muitos boletos para serem pagos. Para ajudar os brasileiros nesta questão a fintech Friday Pagamentos foi criada. 

“Pagar não deveria doer. A ideia é realmente tirar a fricção, fazer dessa experiência de pagar contas uma boa experiência”, explicou Gabriela Viana, co-CEO da Friday Pagamentos, em entrevista ao Finsiders.

A proposta da fintech é o de deixar os pagamentos de boletos algo tão leve como aproveitar um fim de tarde de sexta. Para tornar isso real, a fintech criou um aplicativo que organiza, agenda, notifica e paga as contas cadastradas no CPF do usuário. Em poucos minutos, o pagamento dos boletos são agendados e pagos de forma automática usando o saldo do cliente.

O usuário consegue visualizar uma lista de boletos que já foram pagos, os que faltam pagar e os agendados. Tudo é organizado em uma linha do tempo. Todos os detalhes das operações e comprovantes são enviados para o WhatsApp do cliente.

É possível ainda cadastrar e gerenciar transferencias recorrentes para profissionais e serviços e compartilhar a gestão de seus pagamentos com amigos e familiares.

“Nossa proposta de valor é tirar a fricção no pagamento de contas”, disse Gabriela (ex-executiva de empresas como Adobe, Xiaomi, Google e Afya), que divide a posição de co-CEO na Friday com Clécio Guaranys ao Finsiders.

Fechando o quadro de sócios aparecem outros quatro executivos experientes em tecnologia, setor financeiro e pagamentos móveis: Bruno Mello, Felipe Castro, Dario Tanure e Pedro Gomes.

Testes

A startup começou a ser concebida em 2018, através de recursos próprios de Bruno,Felipe e Clécio, e até o momento não realizou rodadas de investimento.

“Naquela época, encontramos um banco bem nichado, que resolveu cocriar com a gente”, disse Clécio.

O aplicativo da Friday Pagamentos está disponível para download na App Store e Google Play, está em fase de testes e está sendo liberado de forma gradual para grupos de usuários. 

“Temos uma campanha de mídia paga nas redes sociais que está trazendo pessoas, e vamos abrindo por safras”, disse Gabriela.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.