Procurando dinheiro? Confira como consultar e solicitar ‘valores esquecidos’ do abono salarial

Em um momento em que o país atingiu um alto índice por brasileiros endividados, a viabilização de qualquer quantia extra se tornou extremamente benéfica. Neste sentido, é válido destacar a liberação dos ‘valores esquecidos’ do abono salarial, aqueles que não foram retirados pelos trabalhadores no calendário vigente em 2019. 

O saque dos ‘valores esquecidos’ do abono salarial foram liberados no dia 31 de março. A estimativa feita pelo Ministério do Trabalho e Previdência é para que, cerca de 320 mil trabalhadores possam efetuar os saques retroativos neste momento. Para tal, haverá um investimento de R$ 208 milhões para regularizar a situação desses trabalhadores. 

O Governo Federal, através da pasta competente, explicou que este público deveria ter retirado os valores entre o período de julho de 2019 a julho de 2020. Pela regra do programa, se o saque do abono salarial não for realizado no calendário vigente a cada ano, o trabalhador precisará aguardar até o próximo para ter uma nova chance de resgatar os valores. 

O prazo de saque dos ‘valores esquecido’s do abono salarial deveria ter começado também no mês de fevereiro, mas no último instante, o governo decidiu adiar as liberações retroativas para o final de março. Vale destacar que, tendo em vista que o calendário do abono salarial é sempre baseado no ano de apuração anterior, os esquecidos competem aos serviços prestados em 2018. 

Mas é crucial ter em mente que para resgatar os ‘valores esquecidos’ do abono salarial agora, é necessário que os trabalhadores tenham cumprido as regras de elegibilidade do programa na época em que o calendário oficial vigorou. Nenhuma mudança foi feita desde então, logo, as regras permanecem as mesmas. São elas:

  • Estar inscrito nos programas do PIS/PASEP há, pelo menos, cinco anos; 
  • Ter trabalhado com carteira assinada por, pelo menos, 30 dias consecutivos ou não; 
  • Ter recebido até dois salários mínimos;
  • Ter os dados trabalhistas devidamente informados e atualizados na Relação Anual de Informações Sociais (Rais). 

Neste ponto também é importante destacar que todo calendário de pagamentos do PIS/PASEP se baseia no ano anterior para apuração. Isso quer dizer que, o direito aos ‘valores esquecidos’ do abono salarial de 2019 é adquirido desde que as normas mencionadas tenham sido respeitadas em 2018.

Destacando que o valor do abono salarial de 2019 ficou entre R$ 92 a R$ 1.100, com base no salário mínimo vigente na época, bem como a quantidade de meses trabalhados. 

O trabalhador com direito a ‘valores esquecidos’ do abono salarial deve fazer um pedido formal. Este requerimento pode ser feito de duas maneiras, a primeira é presencialmente na unidade mais recente do Ministério do Trabalho, apresentando um documento oficial com foto.

A segunda é pelo e-mail: trabalho.uf@economia.gov.br. O “uf” deve ser substituído pela sigla do estado em que o trabalhador reside. 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.