Itaúsa (ITSA4) faz a venda de 12 milhões de ações da XP; entenda o que motivou

Nesta quarta-feira (23), a holding Itaúsa anunciou que vendeu 12 milhões de ações classe A da XP por aproximadamente R$ 1,8 bilhão. Isso representa 2,14% do capital total da corretora. Diante disso, a Itaúsa passa a deter 11,51% do capital total da XP e 3,63% de seu capital votante.

Itaúsa (ITSA4) faz a venda de 12 milhões de ações da XP; entenda o que motivou
Itaúsa (ITSA4) faz a venda de 12 milhões de ações da XP; entenda o que motivou (Imagem: Montagem/FDR)

A Itaúsa ressalta que permanecem inalterados “os termos e condições do Acordo de Acionistas da XP descritos no Fato Relevante de 1º de fevereiro de 2021 da Itaúsa, principalmente quanto ao direito de indicar membros ao Conselho de Administração e Comitê de Auditoria da XP”.

A holding explica que a alienação acontece devido à decisão estratégica de diminuir sua participação na XP, segundo divulgado anteriormente. Isso acontece por não se tratar de um ativo estratégico.

Outro motivo citado pela Itaúsa é a necessidade de recompor o caixa da holding — por conta dos últimos investimentos feitos.

A Itaúsa informa que essa alienação afetará positivamente os resultados da holding do primeiro trimestre deste ano. Segundo a empresa, o impacto será em cerca de R$ 1,1 bilhão, líquido de impostos.

Itaúsa poderá vender mais ações da XP

A Itaúsa ainda declara que, dependendo das condições de mercado, poderá vender mais até 24 milhões de ações ordinárias classe A da XP neste ano — de um total de 64,5 ações que detém atualmente.

Este anúncio acompanha a declaração que o presidente-executivo da Itaúsa, Alfredo Setubal, tinha dito em fevereiro. Na ocasião, ele informou que realizaria novas vendas de papéis da XP para otimizar os resultados e diminuir, ao máximo possível, os impostos a pagar.

Portfólio da holding Itaúsa

Além da XP, o portfólio de investimentos da Itaúsa também abrange, por exemplo:

  • Banco Itaú
  • Copa Energia, distribuidora de gás liquefeito de petróleo (GLP)
  • Dexco, fabricante de materiais para construção civil
  • NTS, transportadora de gás natural
  • Aegea, administradora de concessões de saneamento
  • Alpargatas, empresa de calçados e artigos esportivos

A Alpargatas, inclusive foi o investimento mais recente da holding. Isso ocorreu em fevereiro, na oferta primária da fabricante das Havaianas, que totalizou R$ 799,1 milhões. A Itaúsa passou a ter posse de 29,6% do capital da Alpargatas.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.