Arezzo (ARZZ3) capta mais de R$ 830 milhões e tem planos arrojados; saiba como investir

Nas últimas semanas a Arezzo (ARZZ3) aproveitou uma boa janela que surgiu no mercado e levantou R$ 833,8 milhões na oferta subsequente de ações realizada para financiar seus planos de consolidar-se como uma “casa de marcas”.

A empresa de calçados, bolsas e acessórios femininos deve emitir cerca de  10,125 milhões de novas ações a R$ 82,35 cada.

Esse foi o  primeiro follow-on da Arezzo desde o ano de 2011, quando a empresa chegou na bolsa de valores e ficou menos de 1% abaixo do fechamento de ontem e saiu por um preço ligeiramente superior aos R$ 81,91 por ARZZ3 de quando a oferta foi anunciada, em 26 de janeiro.

Elevação de demanda

Os coordenadores da oferta da Arezzo encontraram demanda não somente  para a oferta de 7,5 milhões de novas ações, como conseguiram colocar integralmente um lote adicional que levou aos números divulgados na madrugada de hoje.

A empresa foi ao mercado com uma oferta restrita orientada pela Instrução 476 da CVM. Assim, só poderiam participar apenas investidores profissionais, aqueles com aplicações comprovadas de pelo menos R$ 10 milhões.

Casa de marcas

A marca pretende usar os recursos levantados com a oferta de ações para expandir-se e consolidar-se como casa de marcas. Ela não vai deixar de ser uma das grandes calçadistas do país, mas quer abrir o leque.

A ideia é concentrar sob seu guarda-chuva nomes fortes no varejo de moda como um todo e transformar-se num gigante dos pés à cabeça.

Isso quer dizer que os calçados, as bolsas e os acessórios femininos continuarão sendo parte importante do portfólio da empresa. 

Ao mesmo tempo, a empresa buscará inserção em outros ramos de vestuário, o que deve incluir roupas masculinas e femininas para públicos de diferentes idades e padrões de consumo.

Por ser uma mudança que já vem sendo sinalizada desde 2020, quando a Arezzo comprou a Reserva, grife de roupas masculinas de Rony Meisler.

Outras aquisições foram consumadas pela Arezzo desde então, entre elas a compra da Baw, marca de streetwear forte nas redes sociais, e a Carol Bassi, nome forte da moda feminina de luxo.

Como investir?

A Arrezo abriu seu capital na bolsa de valores brasileira em 2011. O investimento pode ser feito através da compra de ações, cujo código é ARZZ3. Para isto, o investidor preciso abrir conta em uma corretora de valores.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.