PIS 2022: onde será depositado o meu abono salarial e como sacar?

O calendário de pagamentos do abono salarial do Programa de Integração Social (PIS) teve início nesta terça-feira, 8. Os primeiros a receber foram os aniversariantes do mês de janeiro e amanhã, 10, será a vez dos trabalhadores nascidos em fevereiro.

PIS 2022: onde será depositado o meu abono salarial e como sacar?
PIS 2022: onde será depositado o meu abono salarial e como sacar? (Imagem: FDR)

Diante das liberações, muitos trabalhadores ainda têm dúvidas sobre como irão sacar o benefício. Por isso, no caso específico do PIS, é importante reforçar que ele é pago pela Caixa Econômica Federal (CEF) aos funcionários de empresas privadas.

Desta forma, a Caixa tem liberado o abono salarial do PIS pelos seguintes canais:

  • Depósito na conta poupança social digital do Caixa Tem;
  • Depósito na conta poupança ou corrente na Caixa Econômica;
  • Saque no caixa eletrônico com o cartão de cliente da Caixa;
  • Saque no caixa eletrônico com o Cartão Cidadão;
  • Saque direto no caixa interno da agência.

Na hipótese dos depósitos, a Caixa Econômica dará preferência para os clientes da instituição financeira que possuem tanto conta poupança quanto conta corrente. Em seguida, serão atendidos os cidadãos que possuem uma conta poupança social digital em aberto junto ao aplicativo Caixa Tem.

Os trabalhadores que receberem o PIS por estas plataformas poderão movimentar o valor depositado virtualmente de acordo com as funcionalidades de cada plataforma. As principais ferramentas são transferências e pagamentos via TED, DOC, PIX, depósitos, recarga de celular e muito mais.

Já na circunstância do trabalhador que der preferência ao saque em espécie, quem é cliente da Caixa e possui o cartão do banco, pode usá-lo para retirar o dinheiro no caixa eletrônico. O mesmo vale para os trabalhadores que possuem apenas o Cartão Cidadão.

O período de depósitos do PIS acontece entre 8 de fevereiro a 31 de março, em uma ordem que segue o mês de nascimento dos trabalhadores da iniciativa privada. A margem final para que recebam os valores é até o dia 29 de dezembro de 2022. O benefício fica disponível para saque durante cinco anos.

Vale destacar que, embora o PIS tenha sido suspenso desde o ano passado, o calendário atual contempla apenas os serviços prestados durante 2020, ano usado como referência. O abono salarial do ano-base 2021 será pago apenas em 2023.

A princípio, o Governo Federal iria pagar o PIS de quem não recebeu em 2019 junto ao ano-base 2020 no cronograma atual. Na realidade, é preciso fazer o pedido para receber o benefício referente a 2019. A data inicial para essa solicitação seria no dia 8 de fevereiro, mas agora o Ministério do Trabalho e Cidadania prorrogou para o dia 31 de março.

Por hora, o calendário paga o PIS de quem trabalhou com carteira assinada por mais de 30 dias em 2020 nas seguintes datas:

PIS

  • Janeiro – 08/02/2022;
  • Fevereiro – 10/02/2022;
  • Março – 15/02/2022;
  • Abril – 17/02/2022;
  • Maio – 22/02/2022;
  • Junho – 24/02/2022;
  • Julho – 15/03/2022;
  • Agosto – 17/03/2022;
  • Setembro – 22/03/2022;
  • Outubro – 24/03/2022;
  • Novembro – 29/03/2022;
  • Dezembro – 31/03/2022.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.