PIS 2022: o que fazer para o dinheiro do abono salarial render mais?

Pontos-chave
  • O abono salarial deste ano se refere ao ano-base 2020;
  • Os beneficiários podem receber até um salário mínimo de abono;
  • O planejamento financeiro é importante, antes de gastar o dinheiro do abono.

Nesta terça-feira (8), a Caixa Econômica Federal começou a pagar o abono salarial do PIS para os trabalhadores de empresas privadas. Estes pagamentos do PIS 2022 são referentes ao ano de 2020. Para quem tem direito ao benefício, descubra o que fazer com o dinheiro do abono salarial para render mais.

PIS 2022: o que fazer com o dinheiro do abono salarial para render mais?
PIS 2022: o que fazer com o dinheiro do abono salarial para render mais? (Imagem: Montagem/FDR)

O abono salarial vale para quem trabalhou por pelo menos cinco anos. Este abono será oferecido para quem atuou formalmente por pelo menos 30 dias em 2020, com remuneração média mensal de até dois salários mínimos.

Além disso, é preciso ter os dados atualizados pelo empregador na Relação de Informações Sociais (Rais) ano-base 2020.

Os beneficiários podem sacar os valores até o dia 29 de dezembro. O valor do abono pode ser de até um salário mínimo, conforme o número de meses trabalhados no ano-base. Sendo assim, somente tem direito à quantia total quem trabalhou os 12 meses no respectivo ano.

Calendário de pagamento do PIS 2020 — ano base 2020

O calendário de pagamentos seguirá o mês de nascimento do beneficiário.

  • Nascidos em janeiro: pagamento em 8 de fevereiro
  • Nascidos em fevereiro: pagamento em 10 de fevereiro
  • Nascidos em março: pagamento em 15 de fevereiro
  • Nascidos em abril: pagamento em 17 de fevereiro
  • Nascidos em maio: pagamento em 22 de fevereiro
  • Nascidos em junho: pagamento em 24 de fevereiro
  • Nascidos em julho: pagamento em 15 de março
  • Nascidos em agosto: pagamento em 17 de março
  • Nascidos em setembro: pagamento em 22 de março
  • Nascidos em outubro: pagamento em 24 de março
  • Nascidos em novembro: pagamento em 29 de março
  • Nascidos em dezembro: pagamento em 31 de março

De acordo com a Caixa, o depósito do crédito acontecerá automaticamente para quem possui conta no banco. Os demais beneficiários receberão as quantias por meio da Poupança Social Digital — podendo ser movimentada via aplicativo Caixa Tem.

Se não for possível a abertura da conta digital, será possível fazer o saque com o Cartão do Cidadão e senha nas unidades lotéricas, terminais de autoatendimento, Caixa Aqui ou agências.

Os beneficiários podem realizar investimentos com as quantias do abono
Os beneficiários podem realizar investimentos com as quantias do abono (Imagem: Montagem/FDR)

O que fazer com o dinheiro do abono salarial para render mais

De modo geral, o beneficiário deve realizar um planejamento financeiro — antes de gastar os valores. Dessa forma, a será possível ter uma vida financeira mais saudável.

O planejamento financeiro representa um conjunto de ações que auxiliam a população a projetar uma situação futura, além de definir estratégias para alcançar os objetivos e compromissos.

O cidadão deve entender como usa o próprio dinheiro. Por meio do planejamento, a pessoa consegue verificar o movimento das receitas e despesas. Com isso, será mais prático de saber o destino do próprio dinheiro — de forma a ter uma consciência melhor das decisões pessoais na área financeira.

Neste sentido, algumas atitudes podem ajudar a melhorar as finanças pessoais:

  • Investir pensando em objetivos

Para fazer o dinheiro render mais, uma das formas é por meio dos investimentos. Além disso, a pessoa deve aplicar pensando em objetivos. Ou seja, é importante estabelecer uma meta e um prazo.

Assim, o cidadão terá mais condições de poupar e realizar as aplicações, de modo que o objetivo fique mais fácil de ser obtido.

  • Formar reserva de emergência 

A reserva de emergência é um dinheiro, a ser guardado, para possíveis imprevistos e necessidades que venham a acontecer. Para juntar essa reserva, é importante ter o orçamento organizado. Após isso, a pessoa deve separar, dentro do possível, uma quantia mensal que será direcionada ao fundo.

  • Quitar dívidas e pagar contas em aberto

Para quem tem dívidas e contas em aberto, é importante procurar se livrar deste problema. Isso porque, ao longo do tempo, a quantia original é acrescida de juros e correções monetárias. Além disso, o consumidor pode ter o nome registrado em órgãos de proteção ao crédito.

Para organizar a vida financeira neste sentido, o consumidor pode seguir alguns passos: descobrir a quantia total das dívidas, negociar os valores, priorizar os débitos mais altos, e assumir ter novas dívidas.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.