Governo de SP oferece Bolsa Trabalho de R$ 540 por mês; saiba quem pode receber

Na última quarta-feira (19), o governador de São Paulo, João Doria, anunciou a oferta de 150 mil vagas para o Bolsa Trabalho. O programa disponibiliza um benefício de R$ 540 por mês para a população desempregada, com prioridade para mulheres.

O programa Bolsa Trabalho oferece vagas para os moradores do estado de São Paulo desempregados, maiores de 18 anos e com renda familiar per capita de até meio salário mínimo.

As inscrições para o programa Bolsa Trabalho pode ser feita o portal do Bolsa do Povo, entre os dias 25 de janeiro e 7 de fevereiro. Sendo assim, a partir da próxima terça-feira os moradores que se enquadram nos requisitos poderão se inscrever.

A convocação dos beneficiários será feita por meio de publicação no Diário Oficial do Estado. Ainda não foi informada a data de divulgação dos selecionados, mas é esperado que ocorra no início de fevereiro, após o fim do período de inscrição.

O programa Bolsa Trabalho tem como objetivo gerar renda, ocupação, qualificação e empregabilidade para a população mais vulnerável, com apoio das prefeituras. Por esse motivo, é voltado para os desempregados, principalmente as mulheres. São ao todo cinco pagamentos mensais.

Em nota, Doria disse, “O Bolsa Trabalho é uma real oportunidade de emprego, são R$ 540 por mês, por um período de cinco meses, para atendimento a essa população vulnerável aqui no estado de São Paulo.”, disse Doria, em nota.

O Governo de São Paulo irá investir mais de R$ 415 milhões no programa. Os selecionados irão realizar atividades de trabalho em órgãos públicos municipais e estaduais, com carga horária diária de 4h, sendo cinco dias por semana.

Os contemplados irão receber apoio à empregabilidade, por meio dos Postos de Atendimento ao Trabalhador. Além disso, esses passarão por um curso de qualificação profissional, podendo escolher entre seis opções de cursos profissionalizantes no formato virtual.

Os cursos serão disponibilizados pela Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp) e todos terão a duração de 80 horas. Veja abaixo quais são os cursos profissionalizantes virtuais disponíveis:

  • Auxiliar de Controle de Produção e Estoque;
  • Gestão Administrativa;
  • Gestão de Pessoas;
  • Organização de Eventos;
  • Rotinas e Serviços Administrativos;
  • Secretariado e Recepção.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Glaucia Alves
Gláucia Alves é formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Atuou na área acadêmica durante 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, onde já acumula anos de pesquisa e experiência. Além de realizar consultoria de redação on-line.