Um terço dos brasileiros se diz interessado por criptomoedas; como investir?

O mercado das criptomoedas tem crescido e cerca de um terço dos brasileiros se dizem interessados em investir em ações. Para eles, as criptomoedas representam um investimento vantajoso. 

Quase 30% dos brasileiros possuem interesse nos criptoativos, tanto para investir, quanto para realizar pagamentos, as informações foram divulgadas na última segunda-feira (27) e são do levantamento global realizado pela Visa.

O que diz a pesquisa

A pesquisa da empresa foi feita no mês de agosto e setembro e revela que o Brasil é o país com maior percentual de “adultos curiosos” pelas criptomoedas. Ainda segundo o estudo, a população do país que já possui as moedas pretende investir ainda mais nos próximos 12 meses, para eles, em 5 ou 10 anos as criptomoedas serão amplamente utilizadas em compras de produtos e transferências de dinheiro.

Grande parte dos investidores, 71%, consideram as criptomoedas as ações mais vantajosas, e 8% disseram não ver com bons olhos. O levantamento revela ainda que fora do Brasil, as criptomoedas possuem forte apelo entre pessoas de alta renda, enquanto 97% dos brasileiros pesquisados conhecem ou já ouviram falar sobre os criptoativos. 

Segundo Romina Seltzer, head de soluções da Visa América Latina e Caribe, as criptomoedas estão cada vez mais conquistando o mercado e representam uma mudança tecnológica que as instituições financeiras precisarão aderir, “Esses resultados sugerem que as criptomoedas estão deixando de ser um ativo de nicho voltado a uma pequena comunidade de investidores e chegando ao mercado geral, ficando cada vez mais acessível ao público e a novos adotantes no Brasil”

Como investir em criptomoedas

Foi durante o período pandêmico que as pessoas passaram a conhecer e investir mais em criptomoedas e no Brasil não foi diferente, o mercado dos criptoativos conquistam cada vez mais adeptos.

Atualmente, existem cerca de 10 mil tipos de moedas digitais em circulação. As mais conhecidas pelo público geral são a Bitcoin, a Ethereum e a Polkadot. Apesar de ser um mercado vantajoso e seguro, é importante estar atento para não cair em golpes, opte sempre por corretoras conhecidas e estude bem o mercado antes de investir.

A principal diferença dos mercados das moedas digitais para as operações financeiras tradicionais é a versatilidade, são 24 horas do dia com disponibilidade do investidor operar a depender dos pregões.

De início, um investidor pode optar por valores baixos, menores que R$ 100, dependendo da corretora.

 

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Hannah Aragão
Hannah Aragão é graduanda em jornalismo pela Universidade Federal de Pernambuco, a UFPE. Atuou em diversas áreas da comunicação, passando por assessoria, endo marketing, comunicação estratégica e jornalismo impresso. Atualmente, se dedica ao jornalismo online na produção de matérias para o portal FDR.