Enchentes na BA: Governo Federal libera R$ 200 milhões para reconstrução de estradas

De férias, Jair Bolsonaro avalia conceder recursos para auxiliar os baianos que perderam suas casas. Nos últimos dias, o Brasil inteiro pode acompanhar a tragédia realizada em diversas cidades do interior da Bahia. Enchentes estão destruindo centenas de casas e estradas de modo que o governo federal deva liberar R$ 200 milhões para reconstrução. Entenda.

O fim do ano não é conhecido por suas fortes chuvas no nordeste do estado, mas este ano a Bahia foi surpreendida com enchentes avassaladoras. Centenas de cidadãos perderam suas residências devido a correnteza das águas que inundam a região há mais de duas semanas.

Governo federal libera R$ 200 para reconstrução das estradas

Pressionado pela imprensa e sociedade civil, o presidente Jair Bolsonaro, que neste momento se encontra de férias, informou que solicitou a sua equipe a edição de uma Medida Provisória que prevê a concessão de R$ 200 milhões para a construção das rodovias.

Sua solicitação já foi publicada no Diário Oficial da União, de modo que seja possível abrir o crédito extraordinário ao Ministério da Infraestrutura, responsável pelo gerenciamento das obras de rodovias na Bahia, Amazonas, Minas Gerais, Pará e São Paulo.

“A proposta vem ao encontro da imediata necessidade de restabelecer o tráfego no segmento interditado da rodovia BR-459/SP, no estado de São Paulo, com a maior brevidade possível, e das rodovias BR-155/PA e BR-158/PA, no estado do Pará, bem como BR-319/AM e BR-174/AM, no estado do Amazonas”, afirma nota da Secretaria-Geral da Presidência.

Ao ser questionado sobre a situação da Bahia, Bolsonaro informou que o valor deve ser aprovado no início de 2022 para “para atender o pessoal”. “E fazer o que for possível por nossos irmãos na Bahia“, declarou ainda o presidente em São Francisco do Sul (SC), onde irá passar o Réveillon na praia.

Bahia em estado de calamidade

Apesar do pronunciamento do presidente, o governador do estado, Rui Costa, afirma que será difícil recuperar todos os danos ocasionados pelas enchentes. Nesse momento, sua equipe bem trabalhando para aprovar a concessão de um auxílio mínimo para quem perdeu tudo.

“Pela quantidade de chuvas em cidade diferentes e a extensão. Temos quase 80 cidades com decreto de calamidade. Pelo menos 50 cidades têm casas debaixo d’água e com extensões grandes. E agora quando a água começa a baixar a gente vê o grande prejuízo que foi provocado”, disse o governador.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.