Carro elétrico vale a pena? Veja preços e custos com manutenção antes escolher estes modelos

Pontos-chave
  • Venda de carros elétricos cresce quase 100% no Brasil
  • Diversos motivos estimularam a compra destes veículos
  • Benefícios serão observados a longo prazo

Os carros elétricos estão cada vez mais presentes no trânsito e, aqui no Brasil as vendas deste tipo de veículo cresceram quase 100% neste ano em comparação com 2020. Existem, várias razões que estimularam este aumento. Confira alguns deles.

  • Meio-ambiente 

Um dos principais motivos para a compra de um carro elétrico é o meio-ambiente. O veículo movido a eletricidade não emite gases poluentes. Este já deveria ser um motivo decisivo para a compra deste tipo de carro, mas existem também outras razões.

  • Custos reduzidos de manutenção 

Um outro motivo que conta a favor dos elétricos é o custo bem mais reduzido de manutenção em comparação com os carros tradicionais a combustão. 

O custo é menor pois não será preciso se preocupar com troca de filtro de óleo, correia dentada ou filtro de combustível. Portanto, mesmo que os pneus se desgatem mais, as manutenções de carros elétricos podem custar até 30% menos do que os tradicionais.

  • Consumo menor 

Este é uma das principais razões para a troca. Mesmo que os elétricos ainda sejam veículos mais caros que os tradicionais, uma vez que o JAC E-JS1, modelo mais barato à venda no país, tem um valor em torno de R$ 160 mil, os elétricos proporcionam um custo-benefício muito mais interessante, a começar pelo gasto com combustível.

Tomando como exemplo o carro chinês citado acima, é possível fazer um cálculo rápido. O subcompacto roda 302 quilômetros com uma carga completa.

“Isso significa que você vai gastar R$ 6 de energia para rodar 100 quilômetros. Seria o equivalente a ter um carro que fizesse 100 quilômetros com um litro de gasolina. Para quem roda mil quilômetros por mês, vai gastar, no máximo, R$ 60. É muito pouco”, disse Sérgio Habib, presidente da JAC Motors no Brasil ao CanalTech

  • Menos impostos 

Os carros elétricos são mais caros realmente. Porém, após a compra, este tipo de veículo garante benefícios aos donos, até mesmo na questão dos impostos. 

Em São Paulo, o ICMS foi reduzido de 18% para 14,5%. Já o IPVA (Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores) imposto pago anualmente, não teve seu valor reduzido no estado paulista, porém, ele é menor em estados como Rio de Janeiro, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Ceará e zerado em outros como Rio Grande do Sul, Pernambuco, Sergipe, Paraná, Rio Grande do Norte, Piauí e Maranhão.

O IPVA foi criado para substituir a Taxa Rodoviária Única (TRU), estabelecida em 1969, mas vinculada a gastos com o sistema de transportes. Sendo um imposto, não haveria a necessidade de vinculação de gastos.

Criado em São Paulo por meio do projeto de lei 804/85, de 1985. Houve críticas, devido ao suposto aumento no valor a ser pago pelos contribuintes. Deputados da oposição alegavam que, sem mudanças, não haveria como aprovar o projeto.

  • Silêncio e esportividade 

Para fechar essa lista de motivos, separamos duas características que caminham lado a lado: silêncio e esportividade. Seja no modelo mais caro, como o Audi E-Tron, ou no subcompacto, como o JAC E-JS1, a sensação do motorista ao acelerar é igual: muita potência e nada de barulho.

Fiat Uno sai de linha

Fiat Uno, um um dos carros mais conhecidos da marca, sairá de linha no Brasil em 31 de dezembro com uma série especial batizada de “Ciao”, palavra italiana que é utilizada como um cumprimento no momento da chegada ou da saída.

O Uno deixará de ser fabricado em Betim, Minas Gerais, com uma série limitada de 250 unidades que chegam às lojas após 37 anos de produção contínua e 4.379.356 unidades vendidas. A série especial tem o valor de R$84.990.

O Fiat Uno Ciao terá um acabamento exclusivo e especial e uma plaqueta no painel numerada com o número de cada exemplar. A cor Cinza Silverstone estampará todas as 250 unidades, cor que também é usada na Strada Ranch, com teto e capa dos retrovisores e spoiler na tampa do porta-malas na cor preta.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.