Problemas com voos da Itapemirim causam reflexo nas ações da Gol, Azul e CVC

Na noite da última sexta-feira (17), a ITA, companhia aérea do Grupo Itapemirim, suspendeu suas atividades aéreas. Essa medida afetou os clientes com voos marcados para o fim de ano. Diante desta notícia, as ações de outras grandes companhias do setor foram impactadas nesta segunda-feira (20).

Problemas com voos da Itapemirim causam reflexo nas ações da Gol, Azul e CVC
Problemas com voos da Itapemirim causam reflexo nas ações da Gol, Azul e CVC (Imagem: Montagem/FDR)

A interrupção dos serviços aconteceu após seis meses de operação. Em comunicado, a ITA afirmou que a medida tomou a decisão “por necessidade de ajustes operacionais”. A companhia ainda informou “que irá reacomodar os passageiros que se encontrarem fora de seus domicílios”.

No caso dos clientes que adquiriram passagens, mas ainda não tinham embarcado, receberão reembolso integral, de acordo com a ITA.

Após a suspensão de voos, o Procon-SP notificou a companhia aérea nesta segunda-feira (20) — pedindo explicações em até 24 horas. A empresa poderá ser multada em até 11 milhões, conforme previsto no Código de Defesa do Consumidor.

O diretor executivo do Procon-SP, Fernando Capez, informou que “é intrigante que uma empresa que acabou de ser aberta feche suas portas e prejudique tantos passageiros”.

Ele declara que o Porcon precisa “entender por qual motivo foi autorizado o funcionamento e, em seguida, a companhia suspende as operações sem dar nenhuma satisfação aos seus clientes”.

Entre a noite da última sexta até 31 de dezembro, a companhia tinha 514 voos programados, conforme o Sistema de Registro de Operações (Siros) da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Nas aeronaves, cada voo tem a capacidade para 162 passageiros. Diante da suspensão inesperada, clientes da empresa chegaram a protestar no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo.

Ações de outras grandes companhias aéreas foram afetadas nesta segunda

A interrupção dos serviços da ITA impactou as ações do setor turístico. As ações das principais companhias ligadas ao setor — como Gol, Azul e CVC — registraram queda na segunda.

No fechamento, as ações da Gol caiam 4,24%, a R$ 17,41. Os papéis da Azul reduziam 3,58%, a R$ 24,51. Já as ações da CVC apresentavam diminuição de 8,76%, a R$ 13,86.

Por outro lado, no fechamento desta terça-feira (21), estas companhias apresentaram recuperação. As ações da Gol encerraram com alta de 5,11%, a R$ 18,30. Os papéis da Azul aumentaram 7,87%, a R$ 26,44. As ações da CVC apresentaram alta de 2,16%, a R$ 14,16.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.