Empresas da bolsa têm valor de mercado crescendo mais do que suas receitas; entenda como

Pontos-chave
  • Uma minoria das empresas conseguiu recuperar as receitas no mesmo ritmo das capitalizações;
  • A diferença entre valor de mercado e receita aumentou quase quatro vezes;
  • Algumas empresas têm adotado um modelo diferente em relação a estes pontos.

Desde o começo da pandemia de covid-19, no início de 2020, o aumento do valor de mercado das empresas listas em bolsas ultrapassa a alta de receita dessas mesmas companhias. O levantamento faz parte do estudo “Para Além de 2021”, feito pela consultoria Accenture.

publicidade
Empresas da bolsa têm valor de mercado crescendo mais do que suas receitas; entenda como
Empresas da bolsa têm valor de mercado crescendo mais do que suas receitas; entenda como (Imagem: Montagem/FDR)

Segundo o levantamento, este cenário está presente em 10 de 15 setores — como de varejos, energia, bens de consumos e serviços — espalhados em regiões como América Latina, Ásia, África do Sul e Oriente Médio.

O estudo tem como base dados colhidos junto a 1.300 companhias. Mesmo que diversas empresas tenham aumentado a capitalização de mercado de forma significativa desde o começo da pandemia, somente uma minoria conseguiu recuperar suas receitas no mesmo ritmo.

publicidade

Desenvolvimento do valor de mercado e receita das empresas

Durante os três anos que antecederam a pandemia, o levantamento indica que o valor de mercado e a receita das companhias aumentaram em patamar similar — 9,8% e 7,1%, respectivamente.

No entanto, entre 2019 e 2020, essa diferença subiu quase quatro vezes. O avanço da capitalização foi de 23,7% no período. Já a receita evoluiu 6,4%.

Devido a dessa assimetria, a Accenture alerta para o desafio da “velocidade de crescimento”. Este é um termo usado para descrever o ritmo mais acelerado de desenvolvimento do valor de mercado em comparação à receita de uma empresa.

Sinal de alerta causado por esta assimetria

No entendimento da consultoria, mesmo que a alta da capitalização seja um ponto positivo, a incapacidade das receitas — de acompanhar esse nível — significa um sinal de alerta.

Ou seja, a Accenture afirma que “quanto mais tempo essa diferença persistir, menor será a chance de as empresas conseguirem recuperar o mesmo patamar de receita a tempo de os investidores começarem a questionar a capacidade da companhia ao longo dos próximos anos”.

Algumas empresas adotam um modelo diferente

Mesmo que demonstre preocupação, a consultoria ainda pontuou que algumas companhias decidiram não enfrentar o desafio — acerca da velocidade de aumento da receita juntamente com o valor de mercado.

publicidade

Estas companhias adotaram um novo modelo de intervenções de mudanças, que está baseado em quatro pilares. A Accenture nomeou os pilares com a sigla “RICE”, que significam:

  • Responsável: alteração que fortalece a liderança ambiental e provoca influência positiva na sociedade. Há base em um forte código de ética e a garantia de condições dignas de trabalho dos funcionários;
  • Inteligente: alteração que estimula a inovação em todas as operações de negócios;
  • Customizado: alteração que promove experiências humanas mais significativas e conectada. Existe a desenvolvimento de soluções personalizadas que atendam as necessidades mentais e físicas;
  • Expansível: alteração que impulsiona o desenvolvimento de novos negócios. Envolve a utilização de tecnologias e a criação de novas parceiras no ecossistema baseado em “valores compartilhados”.

Conforme o estudo, ao mesmo passo que uma nova realidade econômica aparece — e diferentes pressões competitivas de negócios e tecnologia surgem —, as companhias devem evitar recorrer às estratégias de mudanças já conhecidas.

publicidade

O presidente da área de mercado de crescimento da Accenture, Gianfranco Casati, alega que a partir deste ano, “o sucesso sustentável será determinado pela capacidade de execução das empresas em um plano de transformação real”.

A receita representa todo dinheiro que entra na companhia por meio de sua atividade principal
A receita representa todo dinheiro que entra na companhia por meio de sua atividade principal (Imagem: Montagem/FDR)

Diferença entre valor de mercado e receita das empresas

O valor de mercado é um indicador que aponta quanto vale um ativo. Ele define o prestígio de uma empresa — por meio de suas perspectivas de receitas, lucros e despesas.

publicidade

Alguns aspectos influenciam o valor de uma companhia. Há as variáveis microeconômicas: como a oferta e procura, e expectativas relacionadas aos investidores.

Também existem aas variáveis macroeconômicas: como as questões relacionadas a situação econômicas — que afeta, diretamente o valor de mercado da companhia.

Já no caso da receita, representa todo o dinheiro recebido, proveniente de atividades da companhia. Sendo assim, este ponto representa tudo que a empresa ganha com a venda de produtos, serviços, aplicações financeiras, entre outros.

publicidade

Diante das possibilidades de compreensão sobre determinada empresa — por meio do valor de mercado e receita —, o mercado tende a analisar estes aspectos no momento de investir em suas ações.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.