Legislativo de Sergipe aprova criação do programa CNH Social no estado

O programa CNH Social de Sergipe foi aprovado, por unanimidade, na Assembleia Legislativa do Estado (Alese), na última terça-feira (7). A estimativa é que a iniciativa gere uma despesa de R$ 12 bilhões ao estado.

Legislativo de Sergipe aprova criação do programa CNH Social no estado
Legislativo de Sergipe aprova criação do programa CNH Social no estado (Imagem: montagem/FDR)

A CNH Social é um programa adotado por vários estados brasileiros, com o intuito de ofertar a Carteira de Habilitação de forma gratuita à população mais carente. O objetivo é contribuir para a inclusão desses no mercado de trabalho e, assim, diminuir com a desigualdade social.

Diante disso, o Governo de Sergipe enviou a Alese a proposta do programa CNH Social. A Assembleia aprovou o pedido em primeira discussão por unanimidade. Com isso, o estado poderá oferecer à população mais carente a oportunidade de adquirir a CNH de forma totalmente gratuita.

O projeto será voltado para os sergipanos de 18 a 24 anos, com renda de até dois salários mínimos e que estejam inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) para programas sociais do Governo Federal.

A estimativa do Governo de Sergipe é atender 1,2 mil jovens por ano, ofertando o documento nas categorias A (moto) ou B (carro). Todo o processo será gratuito dispensando os selecionados de todos os custos relativos à obtenção da CNH.

O programa irá assegurar a dispensa do pagamento de todos os custos, como os exames médicos, cursos teórico-técnico e a de prática de direção veicular, além dos custos para as provas teóricas e práticas.

O deputado Zezinho Sobral, líder da bancada governista na Alese, afirmou que o foco serão os municípios com menor Índice de Desenvolvimento Humano. Nessas regiões serão selecionadas as famílias numerosas com menor renda.

Segundo o deputado “Isso permitirá que o cidadão tenha emprego, possa trabalhar como motorista, taxista, motoboy ou qualquer outra profissão que necessite estar habilitado”. Dessa maneira, servirá para ampliar as possibilidades de emprego dos sergipanos em situação de vulnerabilidade social.

Agora é esperada a sanção do programa e a publicação dos editais para o processo seletivo. Esses devem ser publicados, em breve, no Diário Oficial do estado. Porém, o programa deve vigorar no próximo ano, já que faltam poucos dias para 2021 acabar e todo o processo leva alguns meses.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Glaucia Alves
Gláucia Alves é formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Atuou na área acadêmica durante 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, onde já acumula anos de pesquisa e experiência. Além de realizar consultoria de redação on-line.