13° salário pode ser usado nas compras de Natal, mas decisão é inteligente?

O final do ano está chegando, com isso vêm o Natal e o pagamento do 13º salário, que normalmente é usado para comprar presentes nesta época do ano. Porém, é preciso usar o dinheiro de forma inteligente.

O pagamento é tão esperado pelas famílias que a maior parte delas acaba não fazendo um planejamento e utiliza-o de forma inadequada. 

Mesmo que o salário seja usado para potencializar o consumo, principalmente nessa época intensa de movimentação do varejo, o pagamento das despesas precisam ser planejados.

Determine prioridades

A primeira coisa que o trabalhador precisa fazer é definir o seu objetivo financeiro principal. Há diversas possibilidades como quitação de dívidas, compras de fim de ano, investimento em ativos, reserva de emergência, contas de início de ano, entre outros.

Por isso, tenha em mente o que é necessário resolver com essa quantia a mais na conta para traçar os melhores caminhos. É bom lembrar que quitação de dívidas é sempre o mais importante para entrar em 2022 com a conta bancária no positivo.

Pense a longo prazo

Para estabelecer os critérios e as prioridades na hora de utilizar o salário extra é preciso ter uma visão completa das suas finanças.

O trabalhador pode ter uma dívida agora, mas a longo prazo pode ser mais interessante poupar o dinheiro e ter uma reserva de emergência que vai te socorrer em imprevistos.

13º salário

Os trabalhadores que tem sua carteira assinada recebem o adiantamento da primeira parcela do 13º salário até o dia 30 de novembro. Já a segunda parcela, será depositada apenas no dia 20 de dezembro.

Na primeira parcela, o trabalhador recebe metade do salário que ganha.  Os trabalhadores que já pediram o adiantamento do 13º nas férias não recebem a primeira parcela neste mês, e receberão apenas a segunda parcela.

O empregador que decide se o pagamento será em uma ou duas parcelas. No caso de ser apenas em uma única vez, o pagamento deve ter sido feito até o dia 30 de novembro.

Qual o valor do décimo terceiro?

O valor pago é proporcional ao número de meses trabalhados e o salário pago durante o ano.

Sendo assim,  para calcular o 13°, você divide o salário integral por 12 e depois multiplica o resultado pelo número de meses trabalhados (durante o ano).

Exemplo de cálculo do 13° salário:

  • Salário integral (salário bruto): R$ 3.200
  • Meses trabalhados: 5 meses (ao longo de 12 meses)
  • 3.200/12 = 266,66
  • 266,66 x 5 = 1333,33

R$1.333,33 será o valor do décimo terceiro salário do trabalhador.

Quer saber quanto você vai ganhar de 13° salário? Faça a simulação por aqui!

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.