Publicado! Calendário de pagamentos do INSS para 2022 está disponível

Os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já podem começar a organizar as finanças, pois a autarquia já divulgou o calendário de pagamentos para 2022. O cronograma pré-definido tem a responsabilidade de atender mais de 36 milhões de brasileiros espalhados por todo o Brasil. 

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade
Publicado! Calendário de pagamentos do INSS para 2022 está disponível
Publicado! Calendário de pagamentos do INSS para 2022 está disponível. (Imagem: Marcos Rocha/ FDR)

Agora, aposentados, pensionistas e demais segurados que recebem benefícios assistenciais do INSS já podem conferir com precisão quando terão os valores depositados em conta. Destacando que esta é uma atitude usual da Previdência Social, publicar o calendário anual completo sempre ao final de cada ano. 

O hábito do instituto é uma vantagem para os segurados, pois desta forma eles têm a oportunidade de se prepararem para saber como aplicar o valor do benefício da melhor forma, seja arcando com as despesas de contribuições como o IPTU, IPVA, gastos escolares com os filhos, residenciais ou pessoais. As possibilidades são infinitas. 

publicidade

É importante mencionar que os cidadãos inscritos no Benefício de Prestação Continuada (BPC), pago a idosos com 65 anos ou mais e portadores de deficiência, também foram incluídos neste calendário. O cronograma pode parecer confuso para os novos segurados da autarquia, por isso é importante esclarecer que os pagamentos do INSS são divididos em dois grupos.

O primeiro é composto por quem recebe até um salário mínimo, o qual ainda não foi definido para 2022. Já o segundo grupo é formado por aqueles que recebem acima do piso previdenciário, os quais são os primeiros a terem os depósitos liberados.

Para verificar as datas de pagamentos nos calendários, é preciso saber qual é o Número do Benefício (NB), composto por dez dígitos. Porém, o penúltimo número é o que deve ser considerado para conferir as datas de pagamentos.

Vale mencionar que o primeiro pagamento que o INSS fará em 2022 será liberado entre o período de 25 de janeiro a 7 de fevereiro para quem ganha o piso. Enquanto aqueles que possuem uma renda acima do salário mínimo recebem entre os dias 1º a 7 de fevereiro. 

A data de pagamento do INSS em 2022 pode variar de acordo com o número final do benefício, sem considerar o dígito que vem depois do traço se tratando de novos beneficiários. Mas para os antigos segurados, vale a data na qual já tinham o costume de receber.

Lembrando que o INSS não efetua pagamentos aos finais de semana, bem como em feriados federais, estaduais e municipais. Neste caso, o depósito ocorre no próximo dia útil.

publicidade

Além do mais, o calendário de pagamentos do INSS será interrompido durante o Carnaval de 2022. Ainda que as festividades possam não acontecer em determinadas regiões, é importante ter em mente que a data é um feriado nacional. Neste período, os depósitos acontecerão entre os dias 21 a 25 de fevereiro, retornando posteriormente apenas no dia 3 de março.

De acordo com o INSS, os beneficiários têm o prazo de 60 dias para efetuarem o saque do valor depositado. Se ao final deste período o valor permanecer na conta, ele será devolvido para a autarquia. Veja o calendário completo a seguir!

Publicado! Calendário de pagamentos do INSS para 2022 está disponível
Publicado! Calendário de pagamentos do INSS para 2022 está disponível. (Imagem: Divulgação INSS)
publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.