Auxílio Brasil paga 1ª parcela para 17 milhões de beneficiários nesta semana

Pontos-chave
  • Nesta semana, começa o pagamento do auxílio brasil;
  • Os pagamentos começam no dia 17 e seguem até dia 30;
  • Os beneficiários do Bolsa Família estão inseridos automaticamente no novo programa.

A primeira parcela do auxílio brasil, substituto do Programa Bolsa Família, vai começar a ser pago no dia 17 de novembro e deve ser concluída no dia 30 do mesmo mês.

Auxílio Brasil paga 1ª parcela para 17 milhões de beneficiários nesta semana
Auxílio Brasil paga 1ª parcela para 17 milhões de beneficiários nesta semana (Foto: FDR)

Calendário do Auxílio Brasil 

Essa primeira parcela será paga para os 17 milhões de brasileiros entre os dias 17 e 30 de novembro, seguindo o cronograma do Bolsa Família. Saiba as datas que cada um recebe:

  • 17 de novembro – depósito para os beneficiários com NIS final 1;
  • 18 de novembro – depósito para os beneficiários com NIS final 2;
  • 19 de novembro – depósito para os beneficiários com NIS final 3;
  • 22 de novembro – depósito para os beneficiários com NIS final 4;
  • 23 de novembro – depósito para os beneficiários com NIS final 5;
  • 24 de novembro – depósito para os beneficiários com NIS final 6;
  • 25 de novembro – depósito para os beneficiários com NIS final 7;
  • 26 de novembro – depósito para os beneficiários com NIS final 8;
  • 29 de novembro – depósito para os beneficiários com NIS final 9;
  • 30 de novembro – depósito para os beneficiários com NIS final 0;

Quem irá receber?

  • Inclusão da família no CadÚnico do Governo Federal;
  • Seleção pelo Ministério da Cidadania;
  • No caso de existência de gestantes, o comparecimento às consultas de pré-natal, conforme calendário preconizado pelo Ministério da Saúde (MS);
  • Participação em atividades educativas ofertadas pelo MS sobre aleitamento materno e alimentação saudável, no caso de inclusão de nutrizes (mães que amamentam);
  • Manter em dia o cartão de vacinação das crianças de 0 a 7 anos;
  • Acompanhamento da saúde de mulheres na faixa de 14 a 44 anos;
  • Garantir frequência mínima de 85% na escola, para crianças e adolescentes de 6 a 15 anos, e de 75%, para adolescentes de 16 e 17 anos.

Como se inscrever no CadÚnico?

Os cidadãos que podem receber o benefício devem fazer a solicitação no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), que é o centro de atendimento em que se realiza o cadastro no CadÚnico.

O beneficiário deve buscar o Cras mais perto da sua casa. Neste período de isolamento social, o atendimento presencial está sendo realizado com horário agendado.

O CadÚnico não é apenas um cadastro para as pessoas com deficiência e sim um cadastro familiar.

Podem fazer parte do cadastro: o requerente, o cônjuge ou companheiro, os pais e, na ausência de um deles, a madrasta ou padrasto, os irmãos solteiros, os filhos e enteados solteiros e os menores tutelados, desde que vivam no mesmo endereço. Documentos de toda família devem ser levados para realização do cadastro.

Auxílio Brasil paga 1ª parcela para 17 milhões de beneficiários nesta semana
Auxílio Brasil paga 1ª parcela para 17 milhões de beneficiários nesta semana (Foto:FDR)

Valor do Auxílio Brasil

A primeira parcela do benefício não será no valor de R$400, o valor médio deve ser de R$230 levando em conta com os reajustes de 20% no pagamento médio atual do programa Bolsa Família, que o valor era de R$190.

Em dezembro, os beneficiários devem receber o valor de R$400, que vai durar até dezembro do ano que vem, como já havia sido anunciado pelo presidente Jair Bolsonaro.

Com isso, a folha de pagamento do programa em dezembro deve contar com o valor reajustado de R$230 e um auxílio transitório no valor de cerca de R$170 e assim totalizando R$400.

Onde serão realizados os depósitos do benefício?

Os depósitos devem ser realizados em dias úteis e pode ser sacado com o cartão do Bolsa Família nos caixas eletrônicos, nos correspondentes Caixa Aqui e Lotéricas. Ainda não foi informado nenhuma mudança na forma de recebimento do benefício.

Benefícios inclusos no Auxílio Brasil 

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) dos precatórios, deseja que os  benefícios fiquem distribuídos assim:

  • Benefício Primeira Infância: R$ 90,00 por mês, por integrante, até o limite de 5 pessoas por família; 
  • Benefício Composição Familiar: R$ 45,00 por mês, por integrante, até o limite de 5 pessoas por família; 
  • Benefício de Superação da Extrema Pobreza: calculado por integrante e pago por família. Considera a diferença entre o valor da linha de extrema pobreza e a renda mensal per capita da família e será de no mínimo R$ 10 por integrante familiar.

Complemento dos benefícios

  • Auxílio Esporte Escolar: 12 parcelas mensais de R$ 100,00 e uma parcela única de R$ 1.000,00 por família; 
  • Bolsa de Iniciação Científica Júnior: 12 parcelas mensais de R$ 100,00 e uma parcela única de R$ 1.000,00 por família; 
  • Auxílio Criança Cidadã: R$ 200,00 por mês para crianças matriculadas em creches de turno parcial R$ 300,00 por mês para crianças matriculadas em creches de turno integral;​​
  • Auxílio Inclusão Produtiva Rural: R$ 200,00 por mês para famílias de agricultores familiares; 
  • Auxílio Inclusão Produtiva Urbana: R$ 200,00 por mês para famílias com integrantes que comprovem vínculo de emprego formal.
  • Benefício Compensatório de Transição: pago por família, para que o Auxílio Brasil não seja menor que o Bolsa Família.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.