IPVA, licenciamento e taxas do Detran: Impostos que começarão partir de janeiro de 2022 

Pontos-chave
  • Em janeiro, os brasileiros possuem alguns compromissos de pagamentos;
  • Um dos pagamentos é do IPVA, um imposto sobre os veículos que deve ser pago obrigatoriamente;
  • O outro é o licenciamento que deve ser feito para que o veículo possa circular em território nacional.

Em janeiro, os brasileiros possuem algumas contas fixas como o Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), licenciamento e as taxas do Detran. Saiba aqui o que são cada uma delas e as formas de pagamento.

IPVA, licenciamento e taxas do Detran: Impostos que começarão partir de janeiro de 2022 
IPVA, licenciamento e taxas do Detran: Impostos que começarão partir de janeiro de 2022 (Foto:FDR)

IPVA

O IPVA é um imposto Estadual e por isso, suas datas e seus valores variam de um estado para outro.

O Imposto é pago para o Sefaz e não para o Detran, mas é uma das principais dívidas nesse início do ano.

Normalmente, os estados oferecem descontos para aqueles que pagam o imposto de forma integral e adiantada.

Os valores variam de acordo com a tabela feita pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, mais conhecida como tabela Fipe, que leva em consideração algumas características dos veículos como marca, modelo e ano de fabricação.

Caso o pagamento do tributo não seja feito, será acrescentado  multa de 0,334% ao dia sobre o valor do imposto não pago, até o limite de 20%. Depois de 60 dias em atraso, o débito sofrerá acréscimo de mais 5%.

Já para questões referentes a cadastros de veículos, licenciamentos e multas de trânsito, o contato deve ser feito diretamente com o Detran e CRVA. Outras eventuais dúvidas podem ser esclarecidas por meio do canal Dúvidas Frequentes ou pelo Plantão Fiscal Virtual, ferramenta on-line disponível no site da Receita Estadual.

Os impostos inscritos em dívida ativa, os pagamentos devem ser realizados direta e exclusivamente no Banrisul, Banco do Brasil (somente para correntistas) e Banco Sicredi.

Como pagar o IPVA?

As guias de pagamento são emitidas pela internet, por isso, tenha em mãos o Renavam do seu veículo para gerar os boletos.

IPVA atrasado resulta em multa?

Sim. Tenha em mente que será preciso desembolsar um valor a mais para quitar o IPVA, referente ao atraso. No estado de São Paulo, por exemplo, é feita a cobrança de uma multa diária de 0,33%; depois de dois meses de atraso, o índice fixado é de 20%. P

orém, além desse valor de penalização, o estado também acrescenta a alíquota mensal da Selic (a taxa básica de juros, que atualmente se encontra em 2,75%).

Além de não conseguir realizar o licenciamento anual do veículo, ao não pagar o IPVA também acarreta no “nome sujo” diante do governo e vai parar na Dívida Ativa do estado. Corre-se o risco de ser interpelado judicialmente para fazer a regularização da sua situação.

IPVA, licenciamento e taxas do Detran: Impostos que começarão partir de janeiro de 2022
IPVA, licenciamento e taxas do Detran: Impostos que começarão partir de janeiro de 2022 (Foto: FDR)

Licenciamento

O licenciamento é obrigatório e deve ser realizado todo ano, ele atesta que o automóvel está com as normas de segurança em dia e pode circular pelas ruas.

O documento está disponível no aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT) e estava disponível desde o ano de 2018.

O documento pode ser visto pelo proprietário, mesmo que ele não tenha acesso a internet, por gerar um PDF com uma assinatura digital.

O dono do veículo pode imprimir o documento em casa e terá a validade do documento físico.

Como realizar o licenciamento?

Os motoristas que devem realizar o licenciamento do veículo precisam informar o número do Renavam e pagar via internet banking, aplicativo ou caixa eletrônico, os débitos – IPVA, possíveis multas e a taxa de licenciamento.

O pagamento poderá ser feito via internet banking, aplicativo ou caixa eletrônico nos bancos conveniados (Santander, Bradesco, Banco do Brasil, Safra, Itaú, Caixa Econômica Federal) e nas Lotéricas.

Um dia após o recebimento, o CRLV ficará disponível para download e impressão no item Licenciamento Digital nos portais do Poupatempo, Detran e Denatran.

Além dos aplicativos Poupatempo Digital, Detran e Carteira Digital de Trânsito – CDT. O motorista poderá salvar o documento no próprio celular ou imprimir na sua casa, em papel sulfite comum.

Como baixar CRLV?

  • Após o login no aplicativo CNH Digital, selecionar a opção “Veículos”, em seguida informar o número do Renavam e o Número de segurança do CRV (antigo DUT).
  • Selecionar incluir;
  • Pronto está disponibilizado o CRLVe em seu smartphone.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.