Passo a passo e dicas infalíveis para investir bem no Tesouro Direto

O Tesouro Direto é uma programa de venda de títulos públicos totalmente online do governo federal em parceria com a B3, a bolsa de valores brasileira. Ele foi lançado em 2002 e sua finalidade é democratizar o acesso a títulos públicos permitindo aplicações a partir de R$ 34 feitas apenas pela internet. Confira dicas de como investir.

Procure uma corretora com taxa zero

É possível encontrar várias opções de corretoras de valores que ofertam taxas zero para aplicações no Tesouro Direto. Isto acontece pois a intermediação é muito simples.

Sendo assim, antes de abrir sua conta, confira na lista de bancos e corretoras se é oferecida a isenção. 

Inicie pelo Tesouro Selic 

O Tesouro Selic é um título público federal negociado através do Tesouro Direto e sua rentabilidade é ligada à Taxa Selic.

Desta forma, o Tesouro Direto é um investimento de renda fixa mais indicado para novos investidores ou para quem quer formar uma reserva de emergência, uma vez que sua liquidez é diária.

Tesouro Prefixado para médio e longo prazo

Após criar sua reserva de emergência, é possível iniciar a busca por rendimentos maiores no Tesouro Prefixado, que tem prazos de vencimento maiores. Aqui é indicado manter o título até o fim para ganhar a rentabilidade prometida. 

O prefixado pode ser utilizado para objetivos de médio e longo prazo, como a compra de um carro, um intercâmbio ou uma festa mais cara.

Tesouro IPCA para proteger o dinheiro no futuro 

Esta opção é a mais indicada para quem deseja proteger o dinheiro da inflação com o passar dos anos. Por conta disso, ele é ideal para investir olhando para o longo prazo, pensando na consolidação do seu patrimônio e na aposentadoria, por exemplo.

Aportes de forma frequente 

 Como forma de potencializar seus ganhos no Tesouro, o ideal é fazer aportes de maneira frequente para aproveitar o efeito dos juros compostos e aumentar seu dinheiro. 

Como o valor mínimo de aplicação é baixo, é possível investir qualquer valor que estiver sobrando ou uma porcentagem da sua poupança mensal.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.