Quando vale mais a pena investir em carros seminovos do que em ações?

Entre janeiro e agosto deste ano, os carros seminovos tiveram uma valorização média de 16,41%. Esse índice foi bem acima de diversos investimentos tradicionais, e algumas ações da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). A pesquisa foi feita pelo site especializado Mobiauto, via Jornal Hoje em Dia.

Quando vale mais a pena investir em carros seminovos do que em ações
Quando vale mais a pena investir em carros seminovos do que em ações (Imagem: Montagem/FDR)

Ao considerar o mesmo período analisado, já descontando a inflação oficial, o Certificado de Depósito Interbancário (CDI) apresentou aumento de 1,83%. O investimento Tesouro IPCA+ com vencimento em 2026 teve alta de 2,12%. O Tesouro Prefixado 2023, por sua vez, alcançou a rentabilidade de 4,15%.

Já ao considerar o mercado de ações, o índice Ibovespa teve valorização de 1,83% no período considerado. Para realizar o levantamento, o Mobiauto teve como base os valores de 555 automóveis modelo 2021 de 13 marcas que atuam no país.

Aumento nos preços dos carros seminovos

A elevação nos valores desses veículos acontece por conta da alta demanda de consumidores. Outro fator que contribui para o cenário atual são as dificuldades de produção de veículos novos. A indústria automobilística tem passado por problemas para encontrar insumos, como, por exemplo, semicondutores.

Ao Jornal Hoje em Dia, o gestor do Fundo de Investimento Imobiliário Vereda e proprietário do Portal Auto Shopping, Reinaldo Lacerda, afirma que o país, atualmente passa pelo ápice do processo de valorização.

Em 2022, com a normalização da produção, ele acredita que o mercado deve seguir para uma estabilização dos preços.

Vendas de carros seminovos

Diante das listas de espera por um carro zero quilômetro que levam até sete meses, o mercado de seminovos passa por um momento de muitas vendas.

O presidente da Associação dos Revendedores de Veículos Usados de Minas Gerais (Assovemg), alega que as vendas devem seguir em alta até o fim do primeiro semestre de 2022.

Lucratividade dos carros seminovos

Como forma de se manterem competitivos no mercado, os revendedores vêm precisando reduzir as margens de lucro — diante da maior procura por carros seminovos e a menor oferta de veículos no mercado.

De acordo com a Associação dos Revendedores de Veículos Usados de Minas Gerais (Assovemg), antes da pandemia de covid-19, a margem de lucro chegava a 15%. Atualmente, o valor não passe de 7% do preço total de revenda do veículo.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.