Conta de água no Rio de Janeiro vai ter acréscimo de 10% a partir de novembro

A tarifa da conta de água no Rio de Janeiro será reajustada em 9,8% pela Companhia de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro (Cedae). A decisão foi publicada no Diário Oficial do dia 8 de outubro, e entra em vigor a 30 dias. Contudo, o aumento somente virá nas faturas com vencimento em janeiro.

De acordo com a Companhia, como não houve mudanças na cobrança em 2020, o aumento deveria ser de 11,51%. A não realização do aumento tinha sido por conta da pandemia de covid-19.

A base de cálculo, para o reajuste na conta de água, é a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). O período considerado para a apuração foi de maio de 2019 a maio de 2021.

Apesar disso, o governo do estado e a Cedae entraram em acordo para oferecer um percentual abaixo da inflação. A Cedae informou que o reajuste é necessário por conta das despesas com energia, produtos químico e pessoal.

Este reajuste anual cumpre o art. 9º do Decreto Estadual nº 5.344/2015 — que estabelece as condições gerais para a fiscalização e regulação das atividades da Cedae pela Agência Reguladora de Energia e Saneamento Básico do Estado do Rio (Agenersa).

Sindicato acredita que conta de água no Rio de Janeiro ainda passará por novos aumentos

Em nota, o Sindicato dos Trabalhadores em Saneamento e Meio Ambiente do Rio de Janeiro e Região (Sintsama-RJ) alega que esse é somente a primeira de muitas altas que virão futuramente.

O presidente da entidade, Humberto Lemos, afirma que a água é vida e não pode ser tratada só pelo lado financeiro. Ele destaca a necessidade de se preocupar com a parte social, “e só uma empresa pública cumpre esse papel”.

Diante disso, a Sintsama-RJ defende que os deputados da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) se posicionassem sobre o que estão realizando com o saneamento estadual.

Lemos destaca que a entidade não concorda com a concessão da Cedae. Segundo ele, as “empresas privadas estão apenas preocupadas com o seu lucro financeiro”.

O Sintsama-RJ alega que deseja “uma Cedae forte, prestando um serviço de qualidade para a população, que universalize o atendimento”.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.