Valor da cesta básica tem alta em 13 capitais e compromete renda dos brasileiros

No mês de agosto, o custo médio da cesta básica teve alta em 13 das 17 capitais da pesquisa realizada pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). O levantamento mostra que os maiores aumentos foram em Campo Grande (3,48%), Belo Horizonte (2,45%) e Brasília (2,10%).

Valor da cesta básica tem alta em 13 capitais e compromete renda dos brasileiros
Valor da cesta básica tem alta em 13 capitais e compromete renda dos brasileiros (Imagem: Prefeitura de Goiânia)

Já as principais quedas nos preços foram em Aracaju (-6,56%), Curitiba (-3,12%), Fortaleza (-1,88%) e João Pessoa (-0,28%).

Em Porto Alegre, foi encontrada a cesta mais cara custa R$ 664,67 e teve alta de 1,18 % em agosto. A segunda mais cara se encontra em Florianópolis com o valor de R$ 659, uma elevação de 0,7% no mês. Em São Paulo o preço em R$ 650,50, com variação de 1,56%.

Em Aracaju a pesquisa encontrou a  cesta básica mais barata  no valor de R$ 456,40, seguida pela de Salvador (R$ 485,44) e de João Pessoa (R$ 490,93).

Na capital Brasília, a cesta básica teve um alta de 34,13% em relação a agosto de 2020 e custa, hoje, R$ 594,59.

Nos primeiros oito meses de 2021, a cesta básica teve aumento de 11,12% em Curitiba, o maior no período, com valor atual de R$ 600,47.

O que mais encarece a cesta?

Os produtos que puxaram essa alta foram café em pó que subiu em todas as capitais, em Vitória a elevação chegou a 24,78%.

O açúcar teve alta em 16 capitais, com aumentos que ficaram em 10,54% em Florianópolis e 9,03% em Curitiba.

O litro do leite integral subiu em 14 capitais pesquisadas, com alta de 5,7% em Aracaju e de 2,41% em João Pessoa.

Dicas para economizar

O encarecimento dos produtos tem acarretado na busca por alternativas da população com o intuito de manter as contas em dia.

A primeira sugestão dada por especialistas é que antes de ir às compras vá com uma lista com os produtos mais essenciais. É importante priorizar os insumos básicos que garantem a nutrição. 

Sobre os produtos de limpeza, é essencial selecionar aqueles com as menores taxas e levar as embalagens com maior volume que tendem a sair com um valor mais baixo.

Já as contas de energia, é importante se atentar ao contador e diminuir a utilização de eletrodomésticos como chuveiro elétrico e ar condicionado.

Para as pessoas que estão registradas no cadastro único, existe a opção de buscar pelos benefícios e transferências de rendas ofertados pela plataforma.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA