Cuidado! Golpe no WhatsApp usa auxílio cesta básica como isca

Um novo crime tem afetado os trabalhadores brasileiros virtualmente. O golpe no WhatsApp usa o aplicativo de mensagens fazendo a promessa de um auxílio cesta básica por parte do Governo Federal

Cuidado! Golpe no WhatsApp usa auxílio cesta básica como isca
Cuidado! Golpe no WhatsApp usa auxílio cesta básica como isca. (Imagem: Reconta Aí)

O golpe no WhatsApp envia mensagens para vítimas aleatórias, oferecendo um auxílio cesta básica no valor de R$ 200. De acordo com os criminosos, o benefício seria pago em duas parcelas para as famílias em situação de vulnerabilidade social através de um cartão magnético, um cartão alimentação. 

A mensagem instrui os cidadãos a acessarem um link que permitirá a consulta de direito ao auxílio cesta básica, para em seguida solicitar o pagamento mediante o suposto direito ao benefício.

O golpe no WhatsApp funciona da seguinte maneira, assim que o usuário clica no link fornecido pelos golpistas, ele é redirecionado a uma página onde deve preencher um formulário que resultará na pesquisa de elegibilidade prometida. 

É exatamente este o momento em que o golpe é concluído, pois ao fornecer informações pessoais como o nome completo, endereço, entre outros dados que são duplicados pelos criminosos com a intenção de aplicar outros golpes em novas vítimas. 

Os golpes mais comuns se referem a empréstimos bancários e cartão de crédito. Ressaltando que ao obter o endereço dos usuários, existe a possibilidade de os golpistas se dirigirem a estas residências para praticarem crimes presenciais e que oferecem riscos diretos à vida dessas pessoas. 

Normalmente essas mensagens de golpe no WhatsApp são encaminhadas por amigos ou familiares, o que faz a vítima acreditar que a mensagem pode ser verdadeira e compartilhar as informações pessoais antes de averiguar a veracidade do anúncio. 

O primeiro passo para evitar a cair no golpe no WhatsApp e em tantos outros, é fazer uma busca na internet para ver se há notícias em sites confiáveis informando sobre o tema.

Outro detalhe que pode ser verificado, especialmente se tratando de golpes envolvendo o Governo Federal é conferir se no link enviado consta o “.gov.br” logo no final, pois este é o indicativo de que se trata ou não de uma iniciativa por parte do Executivo Federal. 

Agora, se tratando de promessas relacionadas ao Estado, normalmente os sites dos governos estaduais são finalizados da seguinte maneira: “.sp.gov.br”, no exemplo do Estado de São Paulo (SP) e assim por diante. É essencial que o link termine em “.gov.br” e não em “.com”. 

A brecha para aplicar este novo golpe no WhatsApp foi encontrada após vários estados e municípios promoverem auxílios locais, seja o próprio auxílio cesta básica ou outros.

É o caso dos estados de Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro, por exemplo. Porém, este é o tipo de informação que sempre deve estar presente no site oficial de cada governo estadual ou municipal.

https://www.youtube.com/watch?v=5rHC0v7y_Ac&t=55s&ab_channel=FDR-Finan%C3%A7as%2CDireitos%2CRenda

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4.7
Total de Votos: 7

Cuidado! Golpe no WhatsApp usa auxílio cesta básica como isca

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA