Taxas e condições para policiais e bombeiros financiarem a casa própria

Governo federal cria novo projeto habitacional para público específico. Nessa semana, a gestão pública se reuniu para celebrar a consolidação do Programa Nacional de Apoio à Aquisição de Habitação para Profissionais da Segurança Pública, o Habite Seguro. Ele terá como objetivo otimizar o financiamento da casa própria para os militares, bombeiros e demais agentes de segurança.

Taxas e condições para policiais e bombeiros financiarem a casa própria (Imagem: Agencia Brasil)
Taxas e condições para policiais e bombeiros financiarem a casa própria (Imagem: Agencia Brasil)

Mesmo com a aprovação do Casa Verde e Amarela, o governo federal acaba de criar um novo projeto habitacional.

Chamado de Habite Seguro, ele funcionará exclusivamente para os policiais civis, militares, federais e rodoviários, além de bombeiros, agentes penitenciários, peritos e guardas municipais que terão ajuda pública para comprar a casa própria.

Detalhes do novo programa habitacional

O projeto tem como prioridade permitir que os agentes de segurança com uma renda de até R$ 7 mil tenham acesso a linhas de financiamento. Por meio dele será possível custear até 100% do valor do imóvel, com subsídios de até R$ 13 mil pagos pelo Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP).

Seu lançamento foi realizado nessa segunda-feira (13), contando com a participação do presidente Jair Bolsonaro, no Palácio do Planalto.

“A casa própria, mais que um sonho, é uma necessidade para todos nós”, afirmou o presidente em seu discurso. “A casa própria é algo que realmente nos liberta, nos dá paz para trabalhar”, afirmou o chefe de estado.

Para esse primeiro ano de implementação, o governo investiu cerca de R$ 100 milhões em parceria com a Caixa Econômica Federal.

“É um programa que beneficia não só os profissionais da ativa, mas também os reformados e aposentados. Ainda este ano, utilizamos até R$ 100 milhões em recursos do Fundo Nacional de Segurança Pública, para subsidiar os financiamentos. Nos próximos anos, além dos recursos desse fundo, contaremos com emendas parlamentares”, afirmou o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres.

Aquisição de imóveis usados

O programa prevê a construção de imóveis novos e também utilizados. O valor de cada contrato poderá ser de até R$ 300 mil. O Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), informou ainda que a aquisição ou a construção será concedida uma única vez para cada beneficiário e poderá ser acumulativa com outros benefícios habitacionais previstos em lei.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 5
Total de Votos: 1

Taxas e condições para policiais e bombeiros financiarem a casa própria

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA