Bolsa do Povo seleciona desempregados no estado de SP para novo projeto

O governo de São Paulo irá incluir mais um projeto ao Bolsa do Povo, voltado para os trabalhadores desempregados. O Bolsa Trabalho, como será chamado, irá disponibilizar 30 mil vagas, priorizando as mulheres.

Bolsa do Povo seleciona desempregados no estado de SP para novo projeto
Bolsa do Povo seleciona desempregados no estado de SP para novo projeto (Imagem: Marcelo Deck)

O Bolsa do Povo foi o programa criado pelo governo de São Paulo para beneficiar mais de 500 mil pessoas em situação de vulnerabilidade social. O Programa Bolsa do povo possui sete eixos programáticos: Assistência social​; Educação​; Esporte; Habitação​; Qualificação Profissional​; Saúde; Trabalho.

Diante disso, o Governador João Doria anunciou a criação de um novo projeto a ser incluído no Bolsa do Povo. O Bolsa Trabalho é uma iniciativa das secretarias de Desenvolvimento Econômico e de Governo em parceria com municípios cadastrados no programa.

O objetivo é promover a retomada de emprego e renda impactando, direta e indiretamente, cerca de 120 mil pessoas apenas neste ano. De acordo com Doria, serão 30 mil vagas de emprego criadas pelo programa.

O novo projeto do Bolsa do Povo receberá um investimento de R$ 80 milhões do Governo de SP. O Bolsa Trabalho irá oferecer bolsas no valor de R$ 535 por mês aos cidadãos que realizarem atividades de trabalho em órgãos públicos municipais e estaduais.

De acordo com o que foi divulgado, esses cidadãos irão exercer uma atividade com carga horária de 4 horas diárias, cinco dias por semana. O benefício será pago por cinco meses consecutivos.

Os Postos de Atendimento ao Trabalhador (PATs) também irão oferecer apoio à empregabilidade, após o fim do programa. Além disso, os cidadãos contemplados irão realizar curso de qualificação profissional.

Esses poderão realizar uma das seis opções de cursos virtuais oferecidos pela Univesp (Universidade Virtual do Estado de São Paulo), com duração de 80 horas. Veja abaixo quais são as opções:

  • Auxiliar de Controle de Produção e Estoque;
  • Gestão Administrativa;
  • Gestão de Pessoas;
  • Organização de Eventos;
  • Rotinas e Serviços Administrativos;
  • Secretariado e Recepção.

Para participar do projeto do Bolsa do Povo é necessário residir no estado de São Paulo, estar desempregado, ser maior de idade e ter uma renda familiar de até R$ 550 por pessoa. As inscrições foram realizadas no portal do Bolsa do Povo, entre os dias 23 e 29 de agosto.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4.7
Total de Votos: 29

Bolsa do Povo seleciona desempregados no estado de SP para novo projeto

×
Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Glaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, além de realizar consultoria de redação on-line.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA