Calendário de vacinação contra COVID-19 nas principais capitais do Brasil

Pontos-chave
  • A Prefeitura do Rio realiza nesta segunda-feira (23) a repescagem de vacinação contra Covid dos adolescentes com deficiência, gestantes, puérperas e lactantes;
  • Todos os manauenses a partir de 12 anos podem se vacinar;
  • A capital ampliou a vacinação dos porto-alegrenses para 18 anos nesta segunda-feira (23);

A vacinação contra COVID-19 está acontecendo em todo o Brasil, porém, há uma grande diferença no avanço da imunização. Todas as cidades iniciaram a campanha de imunização contra o Coronavírus no mês de janeiro.

Calendário de vacinação contra COVID-19 nas principais capitais do Brasil
Calendário de vacinação contra COVID-19 nas principais capitais do Brasil (Imagem: CNN)

A vacinação contra COVID-19 está avançando em todo o território nacional, tendo cidades que já aplicam a 1ª dose nos adolescentes de 12 a 17 anos. A previsão do Ministério da Saúde é que toda a população adulta tenha recebido, pelo menos, a 1ª dose até o fim do mês de outubro.

Diante disso, há lugares que a vacinação contra COVID-19 está mais avançada e outros que a imunização ocorre de maneira mais lenta. Com a chegada das variantes no país, o Ministério da Saúde intensificou a imunização nas cidades que fazem fronteira com outros países.

Por esse motivo, há tanta diferença entre os municípios brasileiros em relação à aplicação das doses e a atual faixa etária a ser imunizada. Veja abaixo como está acontecendo à vacinação contra COVID-19 nas principais capitais do Brasil.

Vacinação contra COVID-19 em São Paulo

A capital de São Paulo iniciou a campanha de imunização no dia 19 de janeiro deste ano. Desde a última quarta-feira (18), os adolescentes com 16 e 17 anos com deficiência, comorbidades, gestantes e puérperas começaram a receber a 1ª dose da vacina contra a Covid.

Nesta segunda-feira (23), a capital inicia a imunizar os adolescentes com 12 a 15 anos com deficiência, comorbidades, gestantes e puérperas. As mulheres grávidas ou que tiveram filhos a menos de 60 dias serão vacinadas com o imunizante da Coronavac ou Pfizer. Veja os horários de funcionamento:

  • Mega drive-thrus e Farmácias: vacinação D1 e D2 das 8h às 17h;
  • Megapostos: vacinação D1 e D2 das 8h às 17h;
  • Unidades Básicas de Saúde (UBSs): vacinação D1 e D2 das 7h às 19h;
  • AMAs/UBSs Integradas: vacinação D1 e D2 das 7h às 19h.

A prefeitura pede que o público previsto na campanha faça o pré-cadastramento no site Vacina Já. Para isso, basta inserir dados como nome completo, CPF, endereço completo, telefone e data de nascimento.

O pré-cadastramento não é obrigatório para receber a vacina, mas ajuda a agilizar o atendimento e a evitar aglomerações. De acordo com a prefeitura, esse procedimento economiza 90% no tempo.

Vacinação contra COVID-19 no Rio de Janeiro

Nesta segunda-feira (23), a capital previa iniciar a vacinação de adolescentes sem comorbidades ou deficiência. Porém, por falta de doses da Pfizer, único imunizante permitido no Brasil para ser aplicado nessa faixa etária, a campanha foi adiada para a próxima quarta-feira (25).

Diante disso, a Prefeitura do Rio realiza nesta segunda-feira (23) a repescagem de vacinação contra Covid dos adolescentes com deficiência, gestantes, puérperas e lactantes. O município espera o envio de novos lotes amanhã (24).

Vacinação contra COVID-19 em Manaus

Nesta segunda-feira (23), a Secretaria Municipal de Saúde de Manaus informou que 19 postos de vacinação irão funcionar, das 9h às 16h. Todos os manauenses a partir de 12 anos podem se vacinar, porém, os menores de 18 anos precisam ser acompanhados por um responsável.

Calendário de vacinação contra COVID-19 nas principais capitais do Brasil
Calendário de vacinação contra COVID-19 nas principais capitais do Brasil (Imagem: Agência Saúde DF)

Para receber a dose é preciso apresentar documento de identidade ou certidão de nascimento, CPF ou Cartão Nacional do SUS (CNS) e um comprovante de residência (com cópia).

Vacinação contra COVID-19 em Porto Alegre

A capital ampliou a vacinação dos porto-alegrenses para 18 anos nesta segunda-feira (23). Além disso, retomou a aplicação da 1ª dose nos adolescentes com comorbidades de 12 anos a 17 anos.

A Prefeitura de Porto Alegre informou que os postos drive-thrus não irão funcionar. Até o momento, a capital já aplicou mais de 1,5 milhão de doses dos imunizantes, sendo 964.218 1ª dose e 569.190 2ª dose ou dose única.

Vacinação contra COVID-19 em São Luís

A capital do Maranhão, aplica hoje (23) apenas a 2ª dose das vacinas Pfizer, CoronaVac e AstraZeneca em pessoas com data já agendadas. Para receber a dose é preciso apresentar um documento oficial com foto e o cartão de vacinação da 1ª dose. A vacinação ocorrerá das 8h às 18h, nos seguintes pontos:

2ª dose – Pfizer e CoronaVac

  • Centro de Vacinação do Sebrae.

2ª dose – AstraZeneca

  • Centro de Vacinação do Sebrae;
  • Centro de Vacinação da UFMA;
  • Centro de Vacinação da UEMA;
  • Centro de Vacinação da UNDB;
  • Centro de Vacinação do IFMA Maracanã;
  • Drive-thru da UFMA;
  • Drive-thru do Ceuma;
  • Drive-thru da UEMA;
  • Drive-thru do Shopping da Ilha.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Calendário de vacinação contra COVID-19 nas principais capitais do Brasil

Glaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, além de realizar consultoria de redação on-line.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA