Quais as liberações do governo para funcionamento do comércio em SP?

Na terça-feira (17), o estado de São Paulo avançou para a etapa de retomada segura do Plano SP. Assim o governo paulista encerrou as restrições de horário e público da quarentena. Entenda quais as liberações do governo para funcionamento do comércio em SP.

Quais as liberações do governo para funcionamento do comércio em SP?
Quais as liberações do governo para funcionamento do comércio em SP? (Imagem: Rovena Rosa/Agência Brasil)

Durante os dias 1º a 16 de agosto, o governo de São Paulo havia permitido que os estabelecimentos pudessem funcionar entre 6h e 0h, com ocupação presencial de até 80% da capacidade.

Além disso, foi determinado o fim do toque de recolher durante as madrugadas. A decisão anterior havia sido por conta das sucessivas melhoras nos índices de saúde e vacinação acelerada contra a pandemia de covid-19.

Quais as liberações do governo para funcionamento do comércio em SP?

Já agora, diante do avanço da vacinação e redução no número de internações, o governo de SP realizou nova flexibilização. A partir desta terça-feira (17), o governo eliminou todas as restrições de horário.

Além disso, está liberado o atendimento presencial com capacidade de 100% nos estabelecimentos comerciais e serviços de todos os setores econômicos.

A medida também prevê a liberação de eventos sociais, culturais e feiras corporativas com controle de público. Estes eventos são liberados desde que não causem aglomerações e que possuam e sigam os protocoles de saúde e higiene.

Ainda seguem válidas as regras para máscaras, distanciamento e protocolos de higiene. Nessa etapa de retomada segura, as regras gerais e setoriais de segurança sanitária continuarão as mesmas e validas para todos os municípios.

De qualquer modo, o governo paulista afirma que as prefeituras manterão a autonomia para determinar rigidez de restrições se as circunstâncias locais da pandemia e capacidade hospitalar apresentarem piora. Em seis cidades do ABC, por exemplo, foi decidido seguir com as regras mais rígidas contra a pandemia.

A partir do dia 1º de novembro, o governo de SP pretende liberar os shows em pé, torcidas e pistas de dança, — desde que tenham controle de público. Diante dessa possibilidade, o Grande Prêmio SP de Fórmula 1, em novembro, está previsto para acontecer com 100% de público.

Por outro lado, os eventos e shows sem controle de público ainda continuarão proibidos.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Quais as liberações do governo para funcionamento do comércio em SP?

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do FDR produzindo conteúdo sobre economia.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA