Conselho decidirá quanto do lucro do FGTS deve ser distribuído aos trabalhadores

Nesta terça-feira (17), o conselho curador do FGTS (Fundo de Garantia de Tempo de Serviço) irá decidir qual será o valor distribuído do lucro de R$ 8,4 bilhões. A expectativa é que o repasse do lucro do FGTS seja de R$ 8,1 bilhões, ou seja, 96% do resultado total.

Conselho decide quanto do lucro do FGTS deve ser distribuído aos trabalhadores
Conselho decide quanto do lucro do FGTS deve ser distribuído aos trabalhadores (Imagem: Mix Vale)

Em 2020, o Fundo de Garantia obteve um total de R$ 33,5 bilhões de receita e teve uma despesa de R$ 25 bilhões. Com isso, gerou um lucro do FGTS de R$ 8,46 bilhões. Desse quantitativo, o conselho curador irá determinar quanto será repassado aos trabalhadores com contas no fundo.

Para receber o lucro do FGTS o trabalhador precisa ter saldo positivo no Fundo de Garantia até 31 de dezembro de 2020. O saque do valor total só poderá ser feito em caso de demissão sem justa causa, aposentadoria ou compra de imóveis.

Sendo assim, quando não acontece nenhum tipo dessas situações, o lucro do FGTS passa a ser patrimônio líquido do Fundo de Garantia. Porém, essa quantia não fica parada na conta e é usada para a concessão de empréstimos que geram juros e que são distribuídos aos trabalhadores.

É esperado que o conselho curador do FGTS destine R$ 8,1 bilhões para os trabalhadores. A distribuição do lucro iniciou em 2016, tendo o percentual definido a cada ano. No primeiro ano e em 2017, a distribuição foi de 50%.

Em 2018 a distribuição do lucro foi integral, devido à taxa de referência (TR) zerada. No ano seguinte, o Conselho Curado do FGTS passou a definir o percentual de distribuição e determinou que naquele ano fosse de 66,2%.

Os trabalhadores podem consultar o saldo do Fundo de Garantia pelos canais de atendimento Caixa, disponibilizados pelo aplicativo FGTS ou pelo Internet Banking da Caixa. Para fazer a consulta basta acessar a plataforma escolhida e seguir o passo a passo abaixo:

  • Selecione a opção “Cadastre-se”;
  • Preencha as informações pedidas e clicar em “Não sou um robô”;
  • Confirme o cadastro pelo link enviado ao e-mail;
  • Responda as perguntas solicitadas pela plataforma;
  • Pronto, agora utilize o CPF e a senha cadastrada para verificar o saldo do fundo (o lucro do FGTS deve ser indicado no saldo como “cred dist resultado ano base 12/2020”).

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Conselho decidirá quanto do lucro do FGTS deve ser distribuído aos trabalhadores

Glaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, além de realizar consultoria de redação on-line.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA