Nova parcela do auxílio emergencial vai pagar quanto? Saiba valor da prorrogação

No mês passado, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), anunciou a prorrogação do pagamento do auxílio emergencial de 2021 por mais três meses. Com isso, o benefício será pago até o mês de outubro de 2021. O valor possuirá variação entre R$150.00 até R$375.00.

Próxima parcela do auxílio emergencial vai pagar quanto? Valores de prorrogação
Próxima parcela do auxílio emergencial vai pagar quanto? Valores de prorrogação (Imagem: Marcos Rocha/ FDR)

As primeiras parcelas do auxílio emergencial era de R$600,00, mas o Governo Bolsonaro declarou ser inviável manter esse valor nas próximas parcelas, que começaram a ser pagas neste ano.

Só recebem o auxílio emergencial deste ano quem já estava inscrito em 2020.  Não podendo mais ter novas inscrições.

O governo faz reanálises no banco de dados dos beneficiários para evitar fraudes e saber quem realmente necessita. Com isso, o beneficiário precisa ficar atento para realizar a atualização dos seus dados sempre que necessário ou pode acabar perdendo o pagamento.

Qual será o valor dessas parcelas de prorrogação do auxílio emergencial?

Para quem mora sozinho o valor que vai receber será de R$150.00, famílias de mais uma pessoas e não possui mulher como chefe de família receberão R$250.00. E para famílias chefiadas por mulheres, o valor é de R$350.00.

Outras prorrogações

A prorrogação do auxílio emergencial já havia sido planejada pelo Governo Federal e comentada pelo presidente Jair Bolsonaro em muitos momentos. Como em entrevistas e em lives que o presidente faz semanalmente.

Regras para conseguir receber o benefício

 Os critérios para receber são:

– ter recebido o auxílio ano passado

– ter renda familiar mensal de até três salários mínimos (R$ 3.300.00)

– ter renda familiar por pessoa em até meio salário mínimo (R$ 550.00)

– ser beneficiário do Bolsa Família e ser trabalhador informal

Quem não possui o direito de receber?

– trabalhadores formais com carteira assinada

– quem não realizou o saque e nem utilizou o auxílio em 2020

– quem é beneficiário do INSS

– quem não foi aprovado no auxílio emergencial em 2020

– estagiários, beneficiários de bolsas de estudo ou similares

– pessoas menores de idade

– detentos presos

– quem teve renda acima de R$28.559.70 em 2019

– quem tinha propriedades acima de R$300.000 em 2019

– quem recebeu rendimentos isentos em 2019, não tributados na fonte superior a R$40.000.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4.7
Total de Votos: 9

Nova parcela do auxílio emergencial vai pagar quanto? Saiba valor da prorrogação

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA