Governo do RJ paralisa cartão alimentação; como ficam os estudantes?

Nesta segunda-feira (2), as escolas da capital carioca voltaram com aulas presenciais a 1.542 alunos. Diante do retorno, a Prefeitura do Rio de Janeiro determinou que fosse suspenso o cartão alimentação concedido a esses estudantes

Governo do RJ paralisa cartão alimentação; como ficam os estudantes?
Governo do RJ paralisa cartão alimentação; como ficam os estudantes? (Imagem: NSC Total)

O valor será reduzido pela metade?

Porém, em uma reunião na Câmara de Vereadores, o secretário Renan Ferreirinha apresentou outro motivo para a mudança afirmando que a prefeitura não possui dinheiro para manter o pagamento do cartão. Ele propôs diminuir o valor pela metade , R$27 nesse mês e suspender em julho.

Ferreirinha mostrou uma conta aos vereadores: disse que os cartões iriam custar R$420 milhões em 2021 e que oferecer a merenda nas escolas sairia menos da metade deste valor, em torno de R$190 milhões.

“Eu gostaria de dizer que já que R$54 é uma ajuda mas não dá pra comprar nada, e o governo ainda quer diminuir pra R$27. Não é justo porque é direito dos nossos filhos, por causa da pandemia não está podendo retornar às aulas. O que a gente vai fazer com 27?”, disse a mãe de um estudante.

Distanciamento social nas escolas

Mesmo os alunos que voltaram às aulas presenciais não estão frequentando a escola todos os dias. Há um rodízio com o intuito de manter o distanciamento social.

O vereador Paulo Pinheiro (PSOL), questiona como as escolas vão receber todos os alunos de uma só vez na hora da merenda, com segurança e sem aglomeração.

“Em um momento grave da pandemia que você tirar as crianças de casa, obrigá-las a ir pra escola em tempo integral e chegando lá contaminar ou serem contaminadas porque isso já está acontecendo com professores. A entrega dos cartões é essencial pra segurança alimentar das crianças. Não é possível que ele tenha que fazer isso. (…)Então, a nossa grande surpresa é isso. Como? As crianças não têm que ficar em casa? A gente sabe que o refeitório é um lugar de maior contaminação. Onde as pessoas vão tirar a máscara pra comer”, afirma o vereador.

O cartão alimentação passou a ser oferecido às famílias de alunos após um acordo ter sido firmado entre a Defensoria Pública e a prefeitura, na gestão anterior.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Governo do RJ paralisa cartão alimentação; como ficam os estudantes?

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA