O que é o auxílio emergencial retroativo? E quem tem direito aos valores?

O auxílio emergencial retroativo é pagamento do benefício aos contemplados após reprocessamento dos cadastros. De acordo com o Ministério da Cidadania, 110 mil mulheres chefes de família monoparental irão receber os recursos nesta sexta-feira (6).

O que é o auxílio emergencial retroativo? E quem tem direito aos valores?
O que é o auxílio emergencial retroativo? E quem tem direito aos valores? (Imagem: montagem/FDR)

A Dataprev e o Ministério da Cidadania realizaram uma nova análise de dados e confirmaram a elegibilidade ao benefício. A aprovação foi possível, devido às informações mais recentes disponíveis nas bases governamentais.

Com essa nova análises foram suspendidos mais de 600 mil benefícios. Entre eles, 136 mil mães chefes de família monoparental deixaram de receber o auxílio emergencial retroativo. Com o desbloqueio de 110 mil pagamentos, 27 mil cadastros ainda estão em processamento.

O pagamento do auxílio emergencial retroativo somará R$ 82,24 milhões. Os benefícios com o auxílio desbloqueado recebem todas as parcelas. Segundo o Ministério da Cidadania, na sexta-feira (dia 6), as 110 mil mulheres chefes de família monoparental irão receber todas as parcelas de R$ 375, de uma só vez.

O auxílio emergencial retroativo será depositado na conta Poupança Social Digital. As mulheres que fazem parte do Bolsa Família receberão, conforme o calendário regular do programa. Ao todo, o benefício contempla mais de 8,5 milhões de mães solo.

Esse tipo de análise ocorre todos os meses e tem como intuito verificar a elegibilidade dos contemplados, com base nos requisitos do programa. Esse processo pode gerar bloqueio do benefício ou exclusão.

Os benefícios também são verificados em ações de auditoria, gerando bloqueio do pagamento até a conclusão das verificações do cadastro. Diante disso, os contemplados são informados e devem buscar atender os possíveis pedidos de documentação.

Auxílio emergencial 2021

Neste ano, o programa voltou a ser pago no mês de abril e se estenderia por quatro meses. Sendo assim, chegaria ao fim no mês passado. Porém, o Governo Federal decidiu prorrogar os pagamentos por mais três meses.

Com isso, o benefício terá pagamentos até o mês de outubro. Segundo o ministro da Economia, Paulo Guedes, esse prazo é para que toda a população adulta tenha recebido a 1ª dose da vacina contra a Covid-19.

As parcelas são de valor variável, conforme a composição familiar. Sendo assim, quem mora sozinho e é beneficiado recebe R$ 150. As famílias recebem R$ 250 e as mães, chefes de famílias monoparentais, recebem R$ 375.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4.8
Total de Votos: 4

O que é o auxílio emergencial retroativo? E quem tem direito aos valores?

Glaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, além de realizar consultoria de redação on-line.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA