Quanto ganha um certificador do ENEM? Inscrições estão abertas para edição 2021

Na última semana começaram as inscrições para os interessados em ser certificadores do ENEM 2021. Os candidatos precisam atender a alguns critérios e realizar a inscrição virtual dentro do prazo. Saiba quais são esses requisitos logo abaixo.

publicidade
Quanto ganha um certificador do ENEM? Inscrições estão abertas para edição 2021
Quanto ganha um certificador do ENEM? Inscrições estão abertas para edição 2021 (Imagem/Reprodução: Quero Bolsa)

As inscrições para a Rede Nacional de Certificadores (RNC) do Exame Nacional do Ensino Médio 2021 seguem até 9 de agosto, segundo o INEP.

Quem pode se candidatar para a função?

Podem se candidatar as pessoas que atendem aos seguintes critérios:

publicidade
  • Ser servidor público do Poder Executivo Federal e professor efetivo e em exercício das redes públicas de ensino estaduais e municipais;
  • Possuir no mínimo formação de ensino médio;
  • Não pode estar inscrito no exame deste ano;
  • Não pode ter cônjuge, companheiro ou parente próximo inscrito como participante;

O que é um certificador do ENEM 2021?

Os certificadores são a “representação” do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) no exame, ou seja, eles são os responsáveis pela aplicação da prova.

Podem ser fiscais de sala de aula, de corredor, por exemplo. Todos passam por um treinamento antes de serem distribuídos pelos locais de aplicação do exame.

Serão considerados aptos somente aqueles que conseguirem completar, no mínimo, 70% de aproveitamento no curso.

Quanto o certificador recebe?

Cada certificador receberá o valor de R$360,00 por dia de aplicação do exame.

Como se inscrever ?

Os interessados têm o prazo de até 9 de agosto para se inscrever no exame, para isso é preciso acessar o portal da Rede Nacional de Certificadores e efetuar o cadastro.

publicidade

No momento da inscrição é possível escolher até três municípios ou sub-regiões, caso essa opção esteja disponível.

Para os professores, é preciso enviar uma declaração de docência, o documento necessita apresentar:

O nome, CPF, matrícula, cargo que ocupa, secretaria de Educação a que está vinculado, nome da escola em que trabalha, o turno de trabalho, o número de turmas e também a carga horária total de trabalho.

publicidade

O sistema vai aceitar o envio da declaração até o último dia de inscrição e ela deve ser enviada em formato PDF e com tamanho máximo de 2 MB.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.