Distrito Federal anuncia vacinação noturna dos profissionais da educação

Na noite da quinta-feira (29), o Distrito Federal iniciou a vacinação noturna dos profissionais da educação remanescentes. A campanha segue até o próximo sábado (31) e ocorre na Praça dos Cristais, no Setor Militar Urbano.

Distrito Federal anuncia vacinação noturna dos profissionais da educação
Distrito Federal anuncia vacinação noturna dos profissionais da educação (Imagem: Correio Braziliense)

O Governo do Distrito Federal espera 2,1 mil funcionários para a vacinação noturna dos profissionais da educação que ainda não receberam a dose da vacina contra Covid-19. O grupo recebeu a vacina entre 21 de maio e 2 de junho.

Dessa maneira, a vacinação noturna dos profissionais da educação tem como intuito contemplar 100% da categoria. Os trabalhadores da educação que já receberam a 1ª dose da AstraZeneca entre maio e junho devem aguardar os 60 dias para receber a 2ª dose.

A Secretaria de Educação (SEE) realizou um levantamento para identificar os profissionais que ainda não tomaram a dose do imunizante. Segundo o órgão, 2.100 trabalhadores, das 14 coordenações regionais de ensino (CREs), ainda não tomaram a vacina.

A SEE dividiu esse grupo em três grupos de 700, que serão vacinados respectivamente entre os dias 29, 30 e 31 de julho. Para esse grupo foi reservado um posto de imunização exclusivo que irá funcionar entre as 18h e as 22h.

A convocação para a vacinação noturna dos profissionais da educação está sendo feita por e-mail, encaminhado pelas escolas em que atuam. Além disso, a SEE está divulgando diariamente a lista com os nomes que devem comparecer no posto de vacinação.

O grupo remanescente irá receber a vacina da Janssen de dose única. A recomendação é no dia da vacinação apresentar um documento de identificação com foto, contracheque e a ficha para registro de doses aplicadas. A ficha pode ser baixada no site da Secretaria de Educação do DF, por meio desse link.

Além da 1ª dose, o Governo do DF está aplicando a 2ª dose antecipada para 6 mil profissionais da educação que tomaram a 1ª dose da vacina AstraZeneca entre 21 de maio e o dia 2 de junho, cumprimento do prazo mínimo de 60 dias.

Segundo a SEE, esse grupo é formado por profissionais das creches públicas, das creches parceiras da rede pública, creches privadas e também por gestores das escolas públicas. A aplicação das doses está acontecendo deste a última terça-feira (27) em todos os pontos de vacinação.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Distrito Federal anuncia vacinação noturna dos profissionais da educação

Glaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, além de realizar consultoria de redação on-line.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA