Caiu no golpe do INSS? Saiba como reagir e proteger seus dados

INSS emite alerta sobre novo golpe. Os aposentados e pensionistas devem ficar atentos. Nas últimas semanas foram relatados falsos pedidos de revisão dos benefícios previdenciários. A ação vem sendo feita por criminosos que se intitulam enquanto agentes do órgão para roubar os dados da população.

Caiu no golpe do INSS? Saiba como reagir e proteger seus dados (Imagem: Freepik)
Caiu no golpe do INSS? Saiba como reagir e proteger seus dados (Imagem: Freepik)

Manter suas informações seguras tem sido cada vez mais difícil. Para quem é vinculado ao INSS, um novo golpe vem circulando por todo o país e tem como finalidade roubar os dados previdenciários.

Como funciona o golpe

Os criminosos estão entrando em contato com os segurados do INSS para solicitar possíveis pedidos de revisão. Eles alegam que a ação tornará o benefício mais caro, fazendo com que o sujeito receba salários maiores.

No entanto, trata-se de um golpe para que a população ceda seus informes de identificação pessoal, extratos bancários e mais. O INSS explica que os falsos convites de revisão estão sendo enviados por cartas, e-mail, telefonemas ou mensagens de celular.

Como se prevenir?

Diante da identificação dos casos, a previdência social federal vem solicitando que a população atualize seus meios de contato nas plataformas do INSS e recuse qualquer informe que não seja realizado através dos portais oficiais de comunicação da previdência.

O INSS reforça que em qualquer suspeita de golpe o sujeito entre em contato com o 135. No entanto, em caso de dúvidas, o cidadão deve conferir o número enviado na mensagem, caso não seja o 280-41 (telefone oficial do INSS para sms) é um golpe.

Aqueles que já tiverem sido vítimas do crime, precisam ir até uma delegacia de policia registrar um boletim de ocorrência para que o INSS possa manter controle e acompanhar os índices do golpe.

O órgão, por sua vez, reforça que vem tomando todas as medidas possíveis para evitar que um maior número de vítimas seja exposto. É válido ressaltar que um dos motivos pelos quais ações como essa vêm acontecendo está relacionado ao mega vazamento de dados do INSS que já vem sendo analisado na justiça.

Para mais informações sobre os golpes e demais questões relacionadas a previdência, acompanhe nossa página exclusiva do INSS.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA