Salário mínimo ideal para gastos dos brasileiros é 4,9 vezes maior que o atual

O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) divulgou o salário mínimo ideal para o mês de junho deste ano. O valor é 4,93 vezes maior que o piso nacional de 2021.

Salário mínimo ideal para gastos dos brasileiros é 4,9 vezes maior que o atual
Salário mínimo ideal para gastos dos brasileiros é 4,9 vezes maior que o atual (Imagem: Jornal Bom Dia)

O salário mínimo ideal em junho de 2021, segundo o Dieese, deveria ser de R$ 5.421,84. O atual piso nacional é de R$ 1.100, logo, o valor ideal é 4,93 vezes maior do que os brasileiros vivem e sustentam suas famílias.

O salário de R$ 5.421,84 considera o valor ideal para sustentar uma família de quatro pessoas, sendo dois adultos e duas crianças. Esse cálculo tem como base a Pesquisa Nacional da Cesta Básica de Alimentos.

Essa pesquisa é feita pela Dieese e analisou o valor da cesta básica para o mês de junho. De acordo com o Dieese os itens alimentares sofreram aumento de preço em 10 das 17 capitais analisadas.

Por esse motivo, o salário mínimo ideal para o mês de junho sofreu aumento e hoje passaria de R$ 5 mil.

Valor da cesta básica

A cesta básica mais cara foi encontrada em Florianópolis por R$ 645,38. Esse valor foi usado para definir o salário mínimo ideal de junho.

Porto Alegre ocupou o segundo lugar com a cesta básica mais cara por R$ 642,31. Como é possível perceber a diferença de uma região para outra é de apenas R$ 3,07. O município de São Paulo ocupa a terceira posição com uma cesta de R$ 626,76.

Mesmo sendo essas as capitais com o preço mais elevado da cesta básica, os municípios que mais apresentaram aumento foram Fortaleza (1,77%), Curitiba (1,59%) e Florianópolis (1,42%). Dessa maneira, Florianópolis possui a cesta mais cara e que mais teve aumento de um mês para o outro.

As cidades que tiveram quedas foram Goiânia (-2,23%), São Paulo (-1,51%) e Belo Horizonte (-1,49%). É importante perceber que mesmo tendo um aqueda no preço, São Paulo continua tendo uma das cestas mais caras do Brasil.

O salário mínimo ideal de junho é R$ 70,73 mais caro que no mês de maio que era de R$ 5.351,11 (4,89 vezes maior que o piso nacional de 2021). Para atingir o valor ideal de junho  é necessário trabalhar por 111 horas e 30 minutos. Porém, com o atual piso o trabalhador compromete 54,79% de sua renda.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Glaucia Alves
Gláucia Alves é formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Atuou na área acadêmica durante 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR, produzindo conteúdo sobre economia e direitos da população brasileira, onde já acumula anos de pesquisa e experiência. Além de realizar consultoria de redação on-line.