Contribuição Individual INSS: Como contribuir? (Autônomo, MEI e Baixa Renda)

A aposentadoria e demais benefícios da Previdência Social são muito buscados pelos brasileiros. Pensando nisso, o INSS oferta diferentes modalidades de contribuição.

Assim, cidadãos que não possuem carteira assinada ou um emprego com vínculo CLT, também poderão realizar a contribuição individual e ter os mesmos direitos assegurados.

Quer saber como funciona a contribuição individual do INSS para autônomo, MEI e ou público de baixa renda? Confira a reportagem completa do jornalista Ariel França e tire todas as suas dúvidas:

A Previdência Social proporciona aos segurados os benefícios como:

  1. Aposentadoria por tempo de contribuição;
  2. Aposentadoria por idade e invalidez;
  3. Pensão por morte;
  4. Auxílio-doença;
  5. Auxílio-acidente;
  6. Auxílio-reclusão;
  7. Salário maternidade;
  8. Salário família;
  9. Reabilitação profissional.

Além dos trabalhadores CLT, os empregados domésticos, trabalhadores avulsos, rurais e individuais também podem contribuir.

A GPS é o “boleto” que vai ser pago mensalmente ou a cada três meses. A guia pode ser emitida pelo site da Previdência Social.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Amanda Castro
Amanda Castro é graduada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP) e graduanda de Administração pela Secretaria de Educação e Esportes de Pernambuco (SEE). É responsável pela área de negócios, tráfego e otimização SEO do portal FDR. Além disso, atua como redatora do portal FDR e demais portais de notícias desde 2017, produzindo conteúdo sobre economia, finanças pessoais e programas sociais.