CAIXA e governo criam o Casa Fácil Paraná que oferecerá 30 mil moradias

Na última quarta-feira, 23, o Governo do Estado do Paraná e a Caixa Econômica Federal (CEF), firmaram uma parceria que irá viabilizar 30 mil moradias para as famílias paranaenses que desejam adquirir a casa própria. A ação está vinculada ao programa Casa Fácil Paraná

CAIXA e governo criam o Casa Fácil Paraná que oferecerá 30 mil moradias
CAIXA e governo criam o Casa Fácil Paraná que oferecerá 30 mil moradias. (Imagem: Bem Paraná)

O contrato foi assinado pelo governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior, e pelo presidente da Caixa Econômica, Pedro Guimarães.

A previsão é para que a iniciativa do Casa Fácil Paraná tenha um investimento na margem de R$ 450 milhões provenientes do Tesouro Estadual com o apoio da instituição financeira. 

Sendo assim, cada família paranaense será contemplada por um subsídio de R$ 15 mil para custear a entrada do financiamento habitacional pelo programa Casa Verde e Amarela.

Os recursos serão liberados pela Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), para famílias que comprovarem uma renda de, no máximo, três salários mínimos. 

Na oportunidade, o governador do Paraná ressaltou que o acordo entre o Governo Estadual junto à Caixa Econômica consiste em uma das maiores parcerias já vistas na história. Fomentando ainda mais o acesso ao Casa Verde e Amarela por meio do Casa Fácil Paraná.

Os principais beneficiados pela medida será a parcela da população paranaense que não possui recursos para poupar os custos da entrada de um financiamento habitacional. 

Ratinho Junior ainda informou que serão mais de 30 mil residências espalhadas por todo o Paraná. O programa, além de realizar o sonho da casa própria de vários cidadãos, ainda servirá para movimentar o setor de construção civil e gerar cerca de 100 mil postos de trabalho. 

O presidente da Caixa Econômica, Pedro Guimarães, explicou que o Banco Central do Brasil (BCB) determina um limite para o financiamento imobiliário. O qual pode ser readequado com base nos critérios de cada instituição financeira em até 90% do valor total do imóvel.

Por esta razão, o amparo dado pelo Governo do Paraná é de extrema importância, pois isentará as famílias de arcar com uma quantia considerável no momento inicial de aquisição do imóvel. 

“O valor do aluguel é muitas vezes mais alto que o de uma prestação, mas muita gente não consegue comprar um imóvel próprio por não ter esse dinheiro, o que acaba sendo um impeditivo para o acesso ao crédito imobiliário”, completou. 

Para fazer parte do Casa Fácil Paraná, as famílias interessadas devem fazer a inscrição no site da Cohapar. As famílias aprovadas no programa serão notificadas para dar seguimento ao financiamento habitacional assim que o chamamento público que envolve as construtoras interessadas em cada localidade progredir. 

No entanto, o subsídio no valor de R$ 15 mil por família será liberado somente mediante análise técnica por parte da empresa. Neste momento, serão considerados todos os dados socioeconômicos dos cidadãos inscritos, os quais também serão verificados pela Caixa Econômica. 

https://www.youtube.com/watch?v=M-sLWeXt000&t=56s&ab_channel=FDR-Finan%C3%A7as%2CDireitos%2CRenda

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

CAIXA e governo criam o Casa Fácil Paraná que oferecerá 30 mil moradias

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA