Perícia online do INSS: Como enviar documento e quem pode usar o serviço?

Pontos-chave
  • Perícia médica do INSS se mantém online;
  • Segurados devem fazer solicitação de seus benefícios pelo Meu INSS;
  • Documentação específica deve ser enviada para comprovar o laudo.

Segurados do INSS devem realizar suas perícias médicas pela internet. Diante da permanência do novo coronavírus, os trabalhadores que precisarem solicitar o auxílio doença ou qualquer outro benefício previdenciário que exija análise de saúde, devem ficar atentos pois o serviço foi terceirizado.

Perícia online do INSS: Como enviar documento e quem pode usar o serviço? (Imagem: FDR)
Perícia online do INSS: Como enviar documento e quem pode usar o serviço? (Imagem: FDR)

A perícia médica do INSS nada mais é do que uma análise realizada pelos profissionais de saúde do órgão que validam a concessão dos benefícios.

Normalmente sua realização é feita presencialmente, nas agencias do órgão. Porém, com a permanência da pandemia o governo federal autorizou sua terceirização

Como funciona a perícia médica online?

Para poder utilizar a perícia virtual o cidadão precisa primeiro passar pela avaliação médica de um profissional de sua escolha. Realizado os exames e com o laudo e atestado em mãos é que ele passa a solicitar seu benefício no Meu INSS.

Ao se conectar na plataforma, basta ir até a aba de perícia e passar a preencher os informes solicitados. O sujeito deve ficar atento, pois toda a documentação a ser enviada precisa estar 100% legível.

Ao receber os dados o órgão fica responsável por fazer a análise e dar um retorno aprovando ou recursando o benefício. Além dos registros médicos, é preciso também anexar:

  • documento de identidade (RG, CNH, etc) e o CPF
  • comprovante de residência
  • carteira de trabalho
  • carnês de contribuição (a GPS – Guia da Previdência Social) e os comprovantes de pagamentos, caso você tenha pagado o INSS como contribuinte facultativo, individual ou MEI
  • O ASO emitido pelo médico do trabalho, em que se atesta a condição de saúde do trabalhador;
  • Uma carta elaborada pela empresa em que se declare o último dia de trabalho

Quais documentos médicos anexar na perícia:

  • Exames e laudos: de sangue, imagem;
  • Atestados médicos, indicando CID e tempo necessário de afastamento;
  • Receituários.

Confira o passo a passo para enviar o laudo médico no Meu INSS:

  • O primeiro passo é acessar o Meu INSS (gov.br/meuinss) ou use o aplicativo para celular) e selecione a opção “Agendar Perícia”;
  • Em seguida, selecione a opção “Perícia Inicial” e, depois, clique em “Selecionar”.
  • Na tela seguinte, responda a pergunta “Você possui atestado médico”, selecione “SIM” e clique em continuar.
  • Preencha as informações pedidas e clique em “Avançar”.
  • Na parte “Anexos”, clique no sinal + para inserir o documento, conforme mostrado na figura abaixo.
  • Na tela que se abre, clique em “Anexar”.
  • Agora basta selecionar o documento (seu atestado médico) que você quer anexar, clicar em “Abrir” e, em seguida, em “Enviar”.
  • Agora, selecione a agência do INSS desejada e clique em “Avançar”. Essa será a agência onde o benefício será mantido. O INSS ressalta que o atendimento nas agências está suspenso temporariamente.
  • Quase no fim, marque a opção “Declaro que li e concordo com as informações acima” e clique em “Avançar”.
  • Se desejar, clique em “Gerar Comprovante” para que você o salve em seu computador ou celular. Pronto, seu atestado foi enviado e basta aguardar um retorno.

Lista de benefícios que exigem perícia médica:

  • Auxílio-acidente;
  • Auxílio-doença (benefício por incapacidade temporária);
  • Benefício de Prestação Continuada – BPC;
  • Aposentadoria por invalidez (benefício por incapacidade permanente);
  • Pessoas com deficiência ou doença grave que pretendem receber Pensão por Morte.
Perícia online do INSS: Como enviar documento e quem pode usar o serviço? (Imagem: Marcos Rocha/ FDR)
Perícia online do INSS: Como enviar documento e quem pode usar o serviço? (Imagem: Marcos Rocha/ FDR)

Funcionamento das agências

No que diz respeito ao funcionamento das agências, o INSS reabriu suas unidades, porém o horário varia de acordo com cada município. Apesar da determinação federal, os governos estaduais e municipais variam na adoção das medidas de flexibilização que garantem ou não o atendimento presencial.

De modo geral, parte significativa das unidades em todo o país voltaram a operar, porém apenas para serviços específicos como:

  • Perícia médica;
  • Avaliação social;
  • Cumprimento de exigência;
  • Justificação administrativa;
  • Reabilitação profissional.

Para mais informações sobre o INSS o cidadão consegue entrar em contato com o órgão através do 135 ou pelo Meu INSS.

É possível também se informar através na nossa página previdenciária exclusiva, que diariamente atualiza os cronogramas de pagamento e funcionamentos do órgão.

 

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Perícia online do INSS: Como enviar documento e quem pode usar o serviço?

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA